Vale a pena ter um cartão de crédito de loja?

Vale a pena ter um cartão de crédito de loja?

Sempre que vamos a alguma lojas grandes, sabemos que algum vendedor oferecerá o cartão da loja, que muitas vezes tem bandeira de crédito para usar em outras ocasiões; Mas será que vale a pena?

Sempre tem aquela loja de departamento, que a gente gosta muito e compra com frequência. Pensando nesses casos e também querendo expandir os negócios, empresas como Submarino, C&A, lojas Americanas, Marisa decidiram criar seus próprios cartões para permitir o parcelamento aos clientes.

Ainda sim o uso era muito limitado, apenas na lojas mesmo. A Saraiva, uma das maiores livrarias do Brasil decidiu entrar nesse mercado, mas adaptando uma bandeira visa ao seu cartão de crédito e permitindo que os clientes pudessem utilizar em qualquer tipo de compra. A estratégia foi associar-se ao Banco do Brasil e permitir que o cliente pedisse o cartão pela internet.

A Saraiva foi além, criou um cartão sem anuidade para os clientes e os correntistas do Banco do Brasil também podiam migrar para cartões da Saraiva. Deu super certo e várias outras grandes lojas foram de carona na estratégia. Clientes da loja Casas Bahia, por exemplo, já usam há anos cartões da loja que são aceitos em vários lugares.

Só que ter um cartão de crédito neste tipo, associado a uma loja, muda o que? É vantajoso? É mais fácil de pedir? Neste post, traremos cinco dicas para você observar caso  adora comprar em uma empresa e pensa em se associar a ela através de um cartão de crédito não exclusivo, mas que ainda sim atende as necessidades sem ter que ter conta bancária ou relacionamento com alguma instituição bancária.

 

1 – Verifique se o cartão tem alguma bandeira

Para ser um cartão de crédito útil, veja se ele está associado alguma bandeira importante, como a Visa, Mastercard, ou Elo. Sendo assim, você poderá usá-lo em qualquer transação, parcelar compras, pagar contas, etc. Antes de escolher essa opção, analise muito bem o contrato da loja, que normalmente já vem com as regras do agente bancário ou bandeira. Saiba suas taxas, tarifas e anuidades.

 

2 – Veja qual empresa irá melhor oferecer o cartão

Não adianta pedir o primeiro cartão que der vontade. Muitas pessoas gostam de um produto, vê que ele está muito mais barato pelo cartão de uma determinada loja, e assina tudo sem perceber, só pensando em fazer a compra. Essa é uma decisão que precisa ser avaliada e principalmente, pesquisada.

Atualmente, diversas empresas, tanto de e-commerce quando físicas oferecem seus cartões de crédito. Veja as vantagens de cada uma e principalmente se você costuma comprar com frequência produtos da loja. Se sim, seu preço sempre será menor e você ainda terá diversas facilidades com o cartão, tendo um parcelamento maior, por exemplo.

 

3 – A aprovação é mais rápida

Cartões de crédito de lojas são normalmente liberados mais rápidos, principalmente se você está fazendo direto no cadastro da própria loja. Ele é indicado caso você precise de algo com urgência, o cadastro é rápido, a resposta é ágil e você levará aquele objeto com um desconto que fará diferença a longo prazo.

 

4 – Mais compras, mais limite de crédito

Mais uma vez a dica de ser um cliente assíduo permanece. Quanto mais você compra no cartão de crédito da loja e é um bom pagador, mais propostas de aumento de limite e fidelização aparecem. Experimente tentar cancelar o cartão de crédito da loja caso você seja um bom cliente. Mais benefícios devem aparecer.

Isso não quer dizer que você precisa comprar e gastar mais do que o necessário, já que a partir do momento que você deixa de pagar as faturas da loja, a conta vem e muito alta. Os juros de lojas de departamentos são normalmente abusivos mesmo com poucos dias de atraso. Então seja consciente e não abuse!

 

5 – Escola um cartão sem anuidade

Essa é uma ótima opção, principalmente se for um cartão de crédito de loja que você usa com pouca frequência. O cartão de crédito da loja Marisa é um que não cobra a tarifa, tem descontos no mês de aniversário ainda possibilita um parcelamento de até 8x fixas com juros, mas com até 100 dias para começar a pagar. Você também consegue fazer empréstimos.

Outro exemplo legal é o cartão da loja Renner, que além de não ter anuidade ele é totalmente gratuito, sempre. Como um cartão de crédito normal, ele tem um clube de vantagens e é aceito na Camicado, outra rede muito popular.

Plus: tome cuidado

Escolha um cartão de crédito de loja caso você procure algo prático, que não irá te cobrar tarifas e que não vai te trazer dores de cabeça com juros e tarifas. Sabemos que por serem empresas privadas, menores que bancos e algumas até associadas a instituições financeiras que são conhecidas por cobras grandes taxas de juros, é importante ter cautela para que não pague mais taxas do que gaste o limite de crédito.

 

Por fim, recomendamos o uso de cartão de crédito de lojas. Dependendo do seu perfil, ele vale a pena caso você seja um cliente assíduo e queira ter facilidades em determinada empresa. Ainda sim, até com os cartões de crédito de bancos físicos e digitais,é muito importante que seja feita uma pesquisa entre as empresas para verificar qual a melhor.

Se você costuma comprar livros, roupas ou outros produtos em alguma loja virtual ou física e não quer ter um cartão de crédito amplo, essa é a opção. Ainda sim, se compra muito de uma empresa e precisa de uma bandeira confiável com um limite seguro, essa opção também se encaixa no seu perfil.

A dica além de todas essas é observar qual a empresa e quais os benefícios você terá a longo prazo, não só os descontos. Grandes empresas como a Casas Bahia, Riachuelo e Pernambucanas, que são do Brasil, facilitam o contato e garantem um comércio consolidado que não irá te dar susto. Então pesquise e utilize de forma cautelosa um cartão de crédito de loja.

Recomendados Para você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *