Inicio Blog Página 3

Cartão de Crédito Grátis Visa

2

A busca pela linha de crédito aumentou muito nos últimos anos, muitas pessoas estão atrás de cartões de créditos que tenham menores taxas, juros e multas, como por exemplo o cartão de crédito grátis Visa.

A visa é uma empresa multinacional responsável pela facilitação da utilização de moedas digitais para seus clientes, desde a grandes empresas, como instituições e até mesmo o próprio governo.

Portanto, passaremos algumas informações sobre as possibilidades de ser ter um cartão de crédito grátis Visa, ou seja, cartões que possuam a linha de crédito e não cobram taxam como a anuidade.

Melhores cartões de crédito grátis Visa

BB Ourocard Fácil Visa:

Esse cartão foi lançado pelo Banco do Brasil especialmente para os clientes que possuem um elevado acúmulo de pontos no cartão de crédito, e por isso não querem pagar altos valores de anuidade.

Por isso, ao consumir R$ 100,00 ou mais no cartão de crédito, o cliente tem direito à isenção do pagamento da anuidade na fatura mensal do cartão de crédito grátis Visa.

Next Visa

O Next Visa possibilita o uso grátis do cartão de crédito nos três primeiros meses de utilização. Além disso, ele fornece aos seus clientes benefícios, como por exemplo, menores preços nas viagens de Uber e descontos em cinemas.

Petrobras Visa

Esse cartão de crédito surgiu através de uma parceria entre as empresas Petrobras e a Visa, por isso ele possui descontos exclusivos, assim como o fato de não possuir anuidade e outras taxas de adesão.

Santander Free Visa

Esse cartão de crédito grátis Visa, pertence ao banco Santander, onde ao gastar R$ 100,00 ou mais, o cliente fica livre da taxa da anuidade, porém, nesse caso, o cliente passa por uma pré-aprovarão de renda mínimo para ser aceito.

Porto Seguro Visa

O cartão de crédito Porto Seguro Visa tem a primeira anuidade grátis, porém existe a possibilidade de zeras as outras. Além disso, você pode aproveitar de outros benefícios do cartão como o resgate em pontos para milhas aéreas.

Digio Visa

A Digio é um cartão digital, o qual não cobra anuidades ou taxas. Ele é um dos maiores concorrentes da Nubank, e está fazendo muito sucesso atualmente.

Cartões de créditos sem anuidade

Como vimos existe inúmeras opções de cartões de crédito grátis Visa, portanto você precisa alinhar os benefícios do cartão com o seu perfil de cliente e além disso, analisar se é o melhor cartão para você.

Além da anuidade, existem outros benefícios que os cartões de crédito, através do pagamento a prazo, podem de oferecer, como descontos em alguns estabelecimentos, milhas para viagens áreas, entre outros.

Além disso, muitos cartões de crédito contam com o benefício do saque, onde você pode retirar certa quantia em dinheiro, de acordo com o limite do seu cartão.

Dicas para exagerar no uso do cartão de crédito

Apesar de muitos cartões não terem taxas como a anuidade, é preciso ficar atento para não se endividar com a utilização excessiva do cartão.

Portanto, antes de utilizar seu cartão de crédito grátis Visa, planeje os seus gastos e fique atento as datas de vencimento das faturas, outra dica, pague sempre a fatura total do cartão, se não pode ocasionar na geração de juros.

Outra dica bem importante, não utilize o cartão de crédito como se fosse um segundo salário. E em caso de perda ou roubo, ligue o quanto antes para central de atendimento e faça o bloqueio do cartão.

O cartão de crédito grátis Visa garante alguns benefícios, como a isenção da anuidade, porém para garantir um bom uso do mesmo, é necessário ter um bom planejamento dos seus gastos.

Cartão de Crédito Gold Itaú

0

Se você está à procura de um cartão de crédito e ainda não sabe como adquirir, ou até mesmo como funciona o sistema de crédito, essa será uma boa oportunidade de entender um pouco mais do cartão de crédito Gold Itaú.

Ter a opção crédito no seu cartão permite que você tenha um limite oferecido pelo banco para realização de pagamentos e compras, dessa forma, posteriormente é realizado o pagamento da fatura.

O limite de cada cartão é estipulado de acordo com cada cliente, de acordo com seu histórico bancário e até mesmo através das transações bancárias realizadas por ele. Dessa forma, existe um valor máximo que se pode utilizar do cartão.

Benefícios do cartão de crédito Gold Itaú

[sociallocker id=”2520″]

O cartão de crédito Gold Itaú possui alguns benefícios, por isso segue abaixo algumas informações sobre o cartão, para facilitar o uso e até mesmo para aqueles que querem adquiri-lo.

  • O cartão de crédito Gold Itaú possui anuidade grátis a partir da realização de compras acima de R$ 100,00 por mês.
  • Caso o valor mensal total não atinja o valor mínimo, será cobrado o preço estabelecido da anuidade correspondente ao respectivo mês.
  • Para aquisição do cartão de crédito Gold Itaú é necessário entrar em contato com a Central de Atendimento para consultar as condições em que a oferta poderá ser obtida. [/sociallocker]

Tarifas do cartão de crédito

Assim como o cartão de crédito Gold Itaú, a maioria dos cartões de créditos possuem algumas tarifas que foram definidas na Resolução CMN 3.919/2010 pelo Banco Central.

  • Anuidade: Valor cobrado uma vez a cada 12 meses, ou pode ser dividido ao longo dos meses pela utilização do cartão.
  • Avaliação emergencial de crédito: Valor cobrado quando o cliente ultrapassa o limite permitido pelo cartão.
  • Pagamento de contas: Taxa cobrada pelo banco quando o cliente utiliza o cartão para pagamentos de faturas como serviços de água, luz e tributos.
  • Saque: É um valor cobrado apenas se o cliente realizar um saque em dinheiro através da opção de crédito do cartão.
  • Segunda via do cartão: Taxa cobrada devido a confecção de um novo cartão em caso de perda, roubo, furto, etc.

Fatura, juros e multa

Todo o mês o cliente receberá uma espécie de boleto referente a utilização dos benefícios do cartão de crédito, como se fosse um pagamento a prazo, devido ao uso do dinheiro disponibilizado pelo cartão.

A fatura deve ser paga até a data de vencimento combinada pelo cliente e o banco. Se não, a realização atrasada do pagamento da fatura poderá ocasionar na geração de juros.

Outro fator que pode ocasionar a geração de multas, é a não realização do pagamento total da fatura, pois muitos bancos oferecem o pagamento de um valor mínimo, porém essa opção pode gerar um acréscimo no valor total.

Informações sobre o cartão de crédito Gold Itaú

O cartão Gold possui uma linha de crédito maior, dessa forma a anuidade cobrada é mais elevada comparada aos outros cartões. Por isso, são cartões utilizados por pessoas que possuem maior poder aquisitivo.

Devido a essa maior taxa no valor da anuidade, o cartão de crédito Gold Itaú também fornece mais benefícios como seguros e descontos, além de outras comodidades como lazer e entretenimento.

Além do cartão Gold, existem outros tipos de linha de crédito, cada um com características diferentes, que são identificadas de acordo com o perfil financeiro de cada cliente.

Portanto antes de adquirir o cartão de crédito Gold Itaú, é aconselhável ir até o banco fornecedor, procurar algum atendente e fazer uma pesquisa e análise do cartão, para garantir que atenda e esteja dentro da sua capacidade financeira.

Cartão de Crédito Fatura Santander

0

Entender como funciona o cartão de crédito fatura Santander é importantíssimo para que você mantenha as suas contas sempre em dia. O Santander disponibiliza a fatura através de diferentes canais!

A fatura de um cartão é o local onde estão descritos todos os gastos que ocorreram no mês. Nela, você pode identificar as cobranças, e até mesmo perceber se houver algumas compra desconhecida em seu cartão.

Manter o controle sobre a melhor data para comprar e fazer o pagamento de seu cartão de crédito fatura Santander até a data de vencimento é essencial para que você desfrute de todos os benefícios do pagamento a prazo, e não sofra com a cobrança de juros.

Dicas importantes sobre o seu cartão de crédito fatura Santander!

O cartão de crédito Santander é certamente um grande aliado quando o assunto é fazer compras a prazo. Mas, visando conquistar ainda mais clientes, e fidelizar todos eles, o banco garante algumas outras facilidades e vantagens.

Alguns cartões oferecem benefícios de descontos em produtos, além de possuírem anuidade bem acessível ou até gratuita, o que, com certeza, é um grande diferencial para o bolso do consumidor.

Com tantos benefícios, fica mais fácil entender porque utilizar o cartão de crédito fatura Santander é tão comum. Depois de fazer as suas compras, é importante ficar atento a data de vencimento, para que a fatura não atrase, e o seu cartão não seja bloqueado.

Como conseguir a segunda via de uma fatura Santander?

Tão importante quanto saber usar com parcimônia o seu cartão, é entender exatamente como obter a segura via de sua fatura. O Santander disponibiliza algumas facilidades para os correntistas nesse sentido.

Internet Banking:

Através da internet você pode conseguir o seu cartão de crédito fatura Santander segunda via. Basta acessar o site, preencher com informações básicas como o seu CPF, e acessar as cobranças vencidas em seu nome emitidas pelo Santander.

Através da central de atendimento:

Você também pode obter informações sobre isso ao ligar para a Central de Atendimentos do bando Santander. Lá os profissionais poderão lhe orientar devidamente sobre como conseguir um cartão de crédito fatura Santander.

Vantagens exclusivas dos cartões Santander!

Você sabia que o cartão de crédito fatura Santander oferece uma série de benefícios? Uma delas é que o cartão Santander Flex permite que você tenha uma folga na sua fatura, ganhando 30 dias a mais para pagar no ano!

A cada 12 meses você pode adiar o pagamento de sua fatura para o mês seguinte sem que haja cobrança de juros por esse tempo! Essa é uma vantagem exclusiva, que faz com que o cartão de crédito fatura Santander seja ainda mais especial diante de seus concorrentes.

Outros benefícios que o seu cartão oferece são os seguintes:

  • Use-o para a movimentação da conta corrente;
  • Visa Electron: para compras e saques nacionais e internacionais;
  • Crédito Rotativo que permite que você financiar até 85% das suas compras nacionais e internacionais;
  • Limite para saques em dinheiro no Brasil;
  • Compras parceladas: você pode parcelar suas compras nacionais e internacionais em até 12 vezes;
  • Pagamento de contas com até 40 dias de prazo;
  • Cartões adicionais: você ganha 50% de desconto na anuidade e estende os benefícios do seu cartão para quem você gosta;
  • Para sua tranquilidade, você é quem determina, a qualquer momento, o limite de crédito para cada um de seus cartões adicionais;

São vantagens únicas, que com certeza fazem a diferença na hora de quitar o seu cartão de crédito fatura Santander. Com todas essas informações você já sabe porque ele é tão especial.

Regras do cartão de crédito!

0

Conhecer as regras do cartão de crédito é muito importante para quem quer usar esse serviço de pagamento de forma correta, e com sabedoria. Essas regras chegaram para trazer mais segurança para o consumidor – principalmente aqueles que costumam perder a linha!

O cartão de crédito pode ser um grande aliado na hora de fazer compras, principalmente para quem não dispõe de um grande valor imediato. Mas essa facilidade pode ser tornar um baita problema se você não souber se controlar.

É assim que as pessoas acabam entrando em situações de dívidas imensas, e não conseguem mais sair delas por conta dos juros. Mas conhecendo as regras do cartão de crédito vai ficar mais fácil contornar isso.

Conheça as principais Regras do cartão de crédito!

Em 2018 o Banco Central criou regras do cartão de crédito que têm a intenção de proteger o consumidor, e evitar essas situações de bola de neve. Para isso, é preciso entende bem como funciona a fatura do cartão.

Fatura do cartão:

Se você não paga a sua fatura integral, tem a possibilidade de pagar o mínimo, e o restante do valor acaba sendo lançado para o próximo mês, mas com os devidos encargos adicionados. Acontece que depois de 6 meses, se o valor não é quitado, os juros rotativos podem se multiplicar de maneira estrondosa.

Porque, o que acontece é que o cliente pode empurrar o restante da fatura para o próximo mês. E quando chegar a data de pagamento, pode pagar novamente só o mínimo, e empurrar o restante com juros para uma nova cobrança, e assim sucessivamente. Mas isso era antes!

Como ficaram as regras do cartão de crédito depois das mudanças?

Enxergando que esse tipo de cobrança e possibilidade de “deixar para depois” poderia causar um efeito de bola de neve, o Banco Central mudou aas regras do cartão de crédito. Agora, o consumidor pode escolher pagar somente o mínimo 1 vez.

O restante, que foi repassado para a próxima fatura, terá de ser quitado integralmente ou parcelado na fatura. Os juros do parcelamento serão menores do que os juros rotativos que eram cobrados no modelo anterior. E é justamente aqui que está a grande vantagem.

Mesmo pagando a sua fatura de forma mais lenta, conforme caiba no seu bolso, e mesmo tendo de lidar com os juros, eles serão bem menores do que eram nos anos anteriores.

Então, só poderei pagar o mínimo uma vez?

O pagamento do valor mínimo da fatura, segundo as regras do cartão de crédito, só poderá ser feito uma vez. Depois disso as opções serão: pagar o valor integral ou parcelar a fatura e pagar conforme os meses passam.

Já estou enrolado com o cartão, e agora?

Se você já está enrolado em seu cartão de crédito, então precisa encontrar alternativas para conseguir negociar e quitar. Isso é importantíssimo, e você não deve se desesperar nesse momento!

Faça as contas de quanto você deve e quais são os seus gastos fixos. Depois, analise qual é o valor que sobra mensalmente, e use isso para ir quitando aos poucos o seu cartão. Não se esqueça de tentar uma boa negociação.

As empresas administradoras de cartão de crédito também têm grande interesse em seu pagamento. E por isso elas se colocam a disposição, na maioria das vezes, para renegociar e analisar a situação de cada cliente.

As regras do cartão de crédito chegaram para lhe ajudar, mas não devem ser encaradas como uma nova oportunidade de se endividar. Tente usar isso a seu favor, para conseguir ter mais controle sobre as suas finanças.

5 atitudes que você precisa começar a ter para controlar suas finanças

0

Controlar suas finanças nunca vai ser fácil, especialmente se você não foi educado para isso desde cedo. Vivemos em uma sociedade extremamente consumista, que nos diz que ter é melhor que ser e que precisamos ostentar para existir.

Como economizar assim? Como ter noção dos nossos gastos? Como consumir de maneira consciente e funcional? Essas são perguntas constantes e que pesam demais, especialmente se você está com dívidas e sofrendo com a situação.

Para te ajudar a seguir nós vamos te mostrar 5 atitudes que vão funcionar para controlar suas finanças. É claro que vai levar tempo e pedirá esforço, mas pode acontecer se essa for mesmo a sua vontade. Vamos juntos!

Descubra de uma vez por todas como começar a controlar suas finanças a partir de 5 ações básicas

Saber como controlar suas finanças é desafiador, sim, mas impossível jamais. É perfeitamente viável abraçar transformações econômicas plausíveis no seu dia a dia, e a gente sempre tem que dar o primeiro passo. Abaixo nós vamos apresentar 5, que certamente vão te ajudar a chegar no patamar que você deseja. Aproveite:

  1. Reconheça os seus gastos – Alguns são fixos (aluguel e conta de internet, por exemplo) e outros são variáveis (ida a restaurante ou compra de roupa). Seja como for é preciso que você reconheça claramente o que sai da sua conta no dia a dia, porque sem ter essa noção a ideia de controlar suas finanças se baseia só em utopia, mesmo;
  2. Compreenda as suas entradas – Saber quanto dinheiro você ganha por semana ou por mês é primordial para que você analise bem a economia doméstica. Muitas vezes a pessoa recebe quinzenalmente, ou trabalha como freelancer e ganha em dias variados dentro dos meses e acaba não tendo noção do total que entra. Essa consiência é igualmente primordial;
  3. Descubra o que você realmente gosta – Pode parecer uma bobagem dizer isso agora, mas reconhecer seus gostos te ajuda a entender as suas prioridades, e entender as suas prioridades vai te dar capacidade para consumir melhor. Quando não sabemos o que nos importa de verdade fica muito difícil ter resultados positivos nas finanças, de verdade;
  4. Pense nos gastos vistos como corriqueiros – Às vezes a gente esquece, mas a bala que compramos, o Uber que pegamos e aquele café que tomamos todos tem um preço, e esse preço sai da nossa conta bancária. Se não tomamos cuidado gastamos demais com coisas que poderíamos economizar muito, se tivéssemos noção e consciência de fato;
  5. Entenda que nada acontece do dia para a noite – As pessoas têm pressa em controlar suas finanças, especialmente se estão com dívidas, se estão vendo o nome “sujo” na praça e se querem se livrar do estigma de devedores para chegarem a algum patamar específico (como voltar a obter crédito, por exemplo.

Agora, se você tiver paciência e tranquilidade vai ser capaz de resolver essas questões de maneira funcional, mas sem sofrimento. Se restringir demais no orçamento para poder ter um controle financeiro desejado é como fazer uma dieta super restritiva: você logo começa a burlar, porque não aguenta tanta pressão. Alivie um pouco o peso nos seus ombros e aceite dar tempo ao tempo;

Então é mesmo possível ter controle da própria economia?

Como você pode ver controlar suas finanças é muito necessário, e existem formas de fazê-lo de maneira funcional e eficaz. É claro que é preciso ser paciente e é necessário levar a sério tudo que dissemos, mas se você for por esse caminho tudo vai dar certo!

5 maneiras de conseguir ajuda financeira

0

Conseguir ajuda financeira nos dias atuais parece ser algo completamente inviável, mas a verdade é que não é. É complexo, sim, é trabalhoso também, mas não está elencado no impossível, muito pelo contrário.

A questão é que as pessoas têm muita dificuldade de fazer o que é necessário para chegar nesse patamar, e de muitas formas se complicam mais do que se ajudam nesse sentido.

A gente só quer te dar força nessa caminhada, e é por essa razão que abaixo vamos te explicar como conseguir ajuda financeira agora, já! Aproveite as nossas dicas e aprenda cada vez mais!

Descubra como conseguir ajuda financeira

Conseguir ajuda financeira é muito complicado de várias formas, mas isso não quer dizer que não seja acessível. Até é, mas tudo depende de como você vai fazer e do que pretende nesse processo. Veja abaixo 5 propostas que vão te ajudar nesse processo:

  1. Procure fazer o seu cadastro positivo – Uma das maneiras mais funcionais de ajustar seu score – que é um advento para decidirem se te concedem crédito ou não – é justamente positivando o seu cadastro no Serasa. Fazendo isso (e é tudo online) todas as suas movimentações financeiras vão para o sistema, não apenas as tradicionais. Assim aos poucos você aumenta a sua nota;
  2. Busque opções consignadas – Conseguir ajuda financeira se você está devendo não é simples, mas uma forma de resolver é buscado ajudas que sejam consignadas, ou seja, que o pagamento saia direto do seu salário.

Pensionistas, aposentados e servidores costumam ter acesso a esse tipo de opção, mas algumas empresas também oferecem a alternativa para funcionários privados, e isso é sem sombra de dúvidas uma mão na rosa. É óbvio que contas têm que ser feita, mas se você tiver consciência tudo vai funcionar;

  • Peça ajuda para familiares e amigos – Se você conhece gente que confia em você para pedir ajuda não tem porque não fazer. É claro que você tem que honrar seus compromissos, e não é porque está devendo ao banco ou a alguma empresa específica que vai dever ao seu tio ou a sua mãe também.

Se você levar a sério e cumprir os combinados não tem porque não requerer esse apoio, mas lembre-se: não vale ficar chateado se a pessoa não pode te dar essa força, ou não se sente confortável para fazer. Mexer com dinheiro e misturar nas relações é complicado mesmo e temos que ser respeitosos com as posições alheias;

  • Faça um financiamento coletivo – Dependendo do seu objetivo é muito possível que as pessoas se engajem para te ajudar, mas você precisa, entre outras coisas, ser claro sobre o que quer, prestar contas sempre e nunca deixar de explicar as suas razões. Assim fica mais fácil chegar onde você deseja;
  • Dialogue com o seu banco – Uma conversa franca com seu banco (ou com outros) pode te abrir portas que estão no momento fechadas. É difícil sim, mas não improvável e vale o esforço;

Entenda se é sim possível conseguir ajuda financeira

Se você quer esse tipo de apoio seguindo as nossas dicas você chegará lá, mas é necessário ser paciente e convicto sobre o que está fazendo, entendendo que em alguns casos vai ser mais complicado chegar ao êxito do que em outros.

De todo modo, conseguir ajuda financeira é sempre tabu, mas se você precisa não deixe de procurar esse apoio. Não se afunde em dívidas, ou na não realização dos seus sonhos. Vá em frente sem medo do que dizem ou falam, porque a sua paz de espírito deve ser maior!

Saiba quanto você está pagando de juros no cartão de crédito!

0

Você sabe o quanto você está pagando de juros no cartão de crédito? Essa é uma informação importantíssima para quem quer organizar as finanças, mas que muitas vezes é negligenciada e esquecida – o que leva facilmente ao endividamento!

Os cartões de crédito são grandes aliados dos brasileiros. Através deles é possível realizar sonhos, adiantar planos e construir coisas. Mas, se você não tiver o devido controle sobre os seus gastos, o final não será tão feliz assim.

Pesquisas apontam que milhões de brasileiros se encontram endividados e com nomes negativados justamente por conta do cartão. O que deveria ser uma ajuda acaba se tornando um tormento.

Mas, para resolver isso é preciso planejamento. Para começar, é preciso entender quando você está pagando de juros no cartão de crédito. E, a partir disso, compreender como realizar os pagamentos de forma mais assertiva.

Entenda como funcionam os juros no cartão de crédito!

Para entender o quanto você está pagando de juros no cartão de crédito, primeiro você precisa primeiro entender muito bem o que são os tais dos juros rotativos. Essa modalidade de acréscimo é utilizada quando o cliente não consegue pagar o valor total, e somente o mínimo da fatura.

Antes era possível pagar o mínimo todos os meses, e acumular o restante para o próximo mês, com juros. Mas, isso fazia com que começasse uma cobrança de juros sobre juros, que entregava um valor final impagável.

Com as novas regras do cartão de crédito, que foram instauradas em 2017, as administradoras já não podem mais fazer assim. Então, a pessoa que pagar o mínimo só poderá fazer isso 1 mês. No próximo ela terá de pagar integral ou parcelar a fatura.

Antes dessas novas regras, as taxas podiam chegar a 17% do valor total da fatura. Agora elas não superam 9,99% ao mês. É uma diferença muito grande quando colocada no papel.

Jeito fácil de calcular os juros do seu cartão

Agora que você já sabe como é que funcionam os juros rotativos, e entendeu melhor sobre as mudanças nas regras do cartão de crédito, é hora de falarmos sobre cálculos. Para começar, pegue a sua calculadora, um papel e caneta, e vamos às contas (e não “às compras”!).

  • Encontre em sua fatura o valor total e depois o valor mínimo autorizado para pagamento. Exemplo: R$ 880,00 com mínimo de R$ 176,00.
  • Agora, faça o seguinte cálculo: valor total da fatura menos o valor mínimo. A sua conta ficará da seguinte maneira: R$ 880,00 – R$ 176,00 = R$ 704,00.
  • Encontre em sua fatura algo a respeito dos juros rotativos.Se não encontrar, entre em contato com a central de. Vamos supor que é 14,72%.
  • Agora faça o seguinte cálculo: saldo do rotativo vezes taxa de juros. Ficará assim: R$ 704,00 x 14,72 = R$ 103,62.
  • Você ainda pode saber o valor da próxima fatura ao calcular saldo mais juros rotativos: R$ 704,00 +R$ 103,62 = R$ 807,62.
  • Ou seja: de uma dívida de 880, se você pagar 176 ainda terá de arcar com 807,62 no próximo mês.

Entender como funcionam esses cálculos é muito importante para que você consiga compreender melhor os juros no cartão de crédito. Muitas vezes, acreditamos que pagar o mínimo pode ser interessante, mas nem sempre!

É preciso colocar tudo na ponta do lápis para compreender qual será o valor final, com os juros acrescidos. E a partir desse valor é que você decide se vale ou não a pena.

Use todas essas informações para calcular e controlar os juros no cartão de crédito. somente assim você conseguirá se livrar das dívidas, e reorganizar a sua situação financeira.

3 cartões de créditos sem anuidade: conheça os melhores

0

3 cartões de créditos sem anuidade: conheça os melhores

Atualmente houve uma mudança gigante nos meios de pagamentos, não é mais como antigamente, onde tudo se pagava com cheques e dinheiro, agora existe os cartões de créditos sem anuidade.

Além do surgimento de cartões de créditos dos bancos mais conhecidos do Brasil, que cobram taxas, anuidades e muito mais, existem bancos diferenciados que optam por fazer cartões de créditos sem anuidade.

Com isso, os pagamentos pelos cartões de crédito são cada vez mais utilizados em todos os tipos de estabelecimentos, podendo gerar ótimos benéficos para o cliente e também descontos.Conheça os melhores cartões de créditos sem anuidade

Como cada vez mais surgem diferentes bancos online e aplicativos que podem oferecer vantagens para as pessoas, receber por cartões de créditos é a melhor opção para seu estabelecimento.

Dessa forma, o cliente se sente mais à vontade para pagar da sua maneira e da forma como preferir, como por exemplo, em parcelas, com descontos e muito mais.

1- Cartão Nubank

O cartão “rouxinho” está cada vez mais popular pela galera e todas as pessoas estão falando de seus benéficos. Ele é um dos cartões de créditos sem anuidade, e provavelmente o melhor!

Suas vantagens são várias, além de possuir um aplicativo super acessível e fácil de usar você controla tudo do seu cartão por ele e ainda consegue tirar dúvidas com os atendes supersimpáticos na sessão de ajuda ao cliente.

Ele não possui nenhuma anuidade, e pode oferecer para você programas de recompensas e também a atual NuConta, onde você pode poupar seu dinheiro com maior rendimento que a poupança.

  • No aplicativo do Nubank você obtém todas as informações de faturas, boletos, transferências, pagamentos e muito mais.

Com o programa de recompensas da Nubank você pode acumular pontos usando seu crédito e poder excluir compras que estão no seu cartão com os pontos.

  • Sendo uma forma de pagar com os próprios pontos que você conseguiu usando seu cartão de crédito sem anuidade.

Para solicitar seu cartão Nubank é preciso apenas entrar no site do cartão e pedir ou se você tem algum amigo que possui o cartão é uma forma mais rápida e fácil de conseguir seu famoso “roxinho”.

– Além do site você pode baixar o aplicativo e tentar solicitar seu cartão! Escolha o Nubank, um dos melhores cartões de créditos sem anuidade para você.

2. Santander Free

Outro cartão sem anuidade conhecido por muitas pessoas é o Santander Free, mas ele funciona como alguns limites para o cliente.

Ele apenas não possui anuidade se seus gastos por mês forem menores que o total de 100 reais.

Porém uma forma de gerar benefícios para você é que se gastar mais do que o limite imposto pelo cartão, você terá outras ótimas vantagens.

O Santander Free oferece programas de pontos para serem acumulados e de fidelidade com o cliente e o uso do cartão.

Como um dos cartões de créditos sem anuidade, para solicita-lo é necessário então no site do banco e preencher o que é requisitado com seus dados e assim você será analisado para receber ou não o cartão.

3. Cartão Next

Muito parecido com o Nubank, o Next é um dos outros cartões de créditos sem anuidade para você escolher.

Ele foi criado pelo Banco Bradesco e possui o intuito de estar nesse meio de cartões diferenciados com maiores vantagens.

Como sabemos, ele é outro dos catões sem anuidades e funciona com menos recursos e benéficos que o Nubank, por exemplo.

– Com o Next você ganha descontos e promoções em eventos e outros locais, procure se informar melhor no site do cartão!

Dessa forma, agora que você tem em alguns ótimos cartões de créditos sem anuidade, leia e pesquise o que mais adequa a sua situação e escolha o seu!

Não paguei a fatura total de cartão de crédito. E agora?

0

Muitos brasileiros vivem endividados, e encontram no cartão uma possibilidade de fazer compras. Mas, e quando você não paga a fatura total de cartão de crédito, o que acontece? Quais são os problemas que podem surgir juntamente com essa atitude?

A falta de educação financeira é um dos maiores problemas enfrentados pelos brasileiros na vida adulta. Por conta disso, muitas pessoas acabam se afundando em dívidas, que se tornam uma verdadeira bola de neve.

E pagar o mínimo da fatura de cartão de crédito pode ser o início para isso. É muito importante entender sobre esse problema, e evitá-lo. Para isso você precisa, antes de tudo, compreender os riscos de não pagar tudo.

Não pagar a fatura total de cartão de crédito pode ser uma solução imediata, mas não frequente!

Quando você recebe a sua fatura de cartão de crédito, tem a possibilidade de pagar o valor integral da dívida, ou apenas uma parte dela, que seria o mínimo. A partir do mínimo, você pode definir diferentes valores para quitar.

Quando você não paga o valor integral da fatura, o que restou será empurrado para o próximo mês, e somado com a sua próxima fatura, além de ganhar um acréscimo de juros.

Problema ou solução?

A grande questão envolvendo essa atitude de não pagar o valor integral da fatura do cartão de crédito é que você pode se enfiar na chamada “bola de neve”. Ou seja, você vai acumulando valores para o futuro, e nunca consegue quitar.

O pagamento mínimo ou menor do que o integral da fatura pode, sim, ser uma solução para aquele mês em que você está com as contas um pouco mais apertadas. No entanto, não deve ser visto como uma solução frequente.

Dicas valiosas para conseguir quitar o seu cartão de crédito!

Se você não quer se ver absorto nessa dívida sem fim da fatura total de cartão de crédito, é importante anotar as dicas para conseguir quitar esse montante, e não somente empurrar o problema com a barriga! Mas é preciso uma boa organização.

Na ponta do lápis:

A primeira coisa a fazer é colocar todas as suas dívidas na ponta do lápis. Muitas pessoas têm medo de encarar esses valores, mas esse é um passo importantíssimo para quem quer se organizar e pagar a fatura total de cartão de crédito.

Analise a sua condição financeira:

O segundo passo essencial, depois de verificar qual é o montante de sua dívida, é entender como está a sua condição financeira. Entenda quanto você ganha, quais são os seus gastos fixos, e quanto sobra, ao final, para quitar as dívidas.

Corte os gastos:

Depois de somar os seus gastos é hora de cortar aqueles custos que são supérfluos, que não são essenciais. Com certeza você vai identificar alguns gastos excessivos com:

  • Alimentação fora de casa;
  • Aplicativos de transporte;
  • Compras de coisas que não são urgentes, etc.

Some esses gastos e descubra qual é a possibilidade de poupança, quanto você pode guardar ao final do próximo mês. Esse será o valor dedicado ao pagamento da fatura total de cartão de crédito.

Tente negociar a dívida para conseguir melhores condições para pagamento!

Feitos todos os passos anteriores, chegamos ao ponto crucial para conseguir pagar a fatura total de cartão de crédito: buscar por melhores condições! Entenda que a administradora também tem interesse em sua quitação!

Entre em contato com a central, e tente negociar um pagamento, um desconto. Chegue em um acordo que caiba em seu orçamento – mas comprometa-se a honrar com isso!

Essas são as dicas para quem quer pagar a fatura total de cartão de crédito! É importante manter o controle e as anotações para não prejudicar a saúde de sua vida financeira.

5 dicas de como sair das dívidas

0

Saber como sair das dívidas é muito complicado para algumas pessoas que estão afundadas em seus débitos, sem conseguir ajustar as contas há muito, muito tempo. A verdade, inclusive, é que elas são a maioria, porque são poucos os brasileiros que hoje não se encontram em um quadro de inadimplência.

A verdade é que a maior parte dos indivíduos nem quer olhar para a situação, porque tem medo de enxergar o buraco onde se meteu e se desesperar. É necessário, no entanto, ter coragem para ver o que está acontecendo e a partir daí resolver.

Assim sendo, a seguir nós vamos te explicar como sair das dívidas de maneira funcional e rápida, seguindo 5 dicas básicas. Aproveite as nossas orientações ao máximo, porque elas têm tudo para te ajudar!

Veja a seguir nossas 5 dicas sobre como sair das dívidas

Saber como sair das dívidas é complicado mesmo, mas nós queremos te ajudar nessa empreitada. É por essa razão que a seguir listaremos 5 dicas básicas, que vão ser muito eficazes ao seu propósito, se você aplica-las da melhor forma possível:

  1. Descubra o tamanho real da sua dívida – O primeiro passo para você conseguir entender como sair das dívidas é entender o tamanho do seu problema. Entrando no site do Serasa você pode descobrir primeiro se tem dívidas e depois com quem essas dívidas foram feitas.

A partir daí é necessário entrar em contato com as instituições para descobrir o tamanho do seu débito, afim de começar a fazer contas para solucionar a questão de uma vez por todas;

  • Analise seu orçamento e possibilidades – Às vezes no desespero para acabar com a dívida a gente se compromete a pagar parcelas altíssimas para as instituições para as quais devemos, e o problema disso é que podemos acabar não honrando nossos compromissos, criando uma situaçaõ mais complicada ainda.

Ver quanto podemos pagar de fato sem comprometer nossas contas básicas e um pouco de diversão (porque isso também é necessário) é a melhor saída sempre;

  • Não feche acordo se o combinado vai sair muito caro – Negociar é fundamental quando estamos falando de como sair das dívidas. Da mesma forma que você quer pagar a empresa tem que te ajudar a ser paga, e a melhor forma dela fazer isso é te oferecendo opções que sejam acessíveis e funcionais para a sua realidade atual;
  • Entenda que restringir gastos vai ser fundamental – Ninguém quer que você deixe de pagar os seus compromissos básicos ou passe a ser uma pessoa que nunca sai ou compra nada. Se você for por esse caminho a tendência é que se chateie muito consigo mesmo, e esse não é o ideal, mesmo. Agora, controlar os seus gastos e ser um consumidor mais consciente é primordial;
  • Adote um controle financeiro mais rígido – Controlar mais as finanças é super importante para que você consiga pagar suas contas, resolver seus débitos anteriores e ainda ser capaz de viver.

Tendo isso em mente é necessário ser atento ao que entra e ao que sai, anotando, fazendo planilhas, analisando digitalmente e tudo mais. Assim você soluciona a questão e nunca mais se arrisca nesse caminho;

Dá para acabar com as dívidas rapidamente?

Saber como sair das dívidas não vai fazer com que elas se paguem velozmente, e ficar preocupado em saldar tudo do dia para a noite pode te meter em uma confusão maior do que a que você está. Faça tudo com calma, de acordo com as suas possibilidades e conte sempre com nosso apoio e informações!

Crediário no cartão de crédito como funciona

0

Para o consumidor que busca por novos meios de pagamento é importante saber sobre crediário no cartão de crédito como funciona. Esse novo serviço foi anunciado pelas administradoras, e promete ser uma opção interessante.

A opção de crediário chega para competir diretamente com o serviço já oferecido pelos varejistas no ato da compra. No entanto, existem algumas diferenças que precisam ser analisadas com cuidado.

Esse serviço será munido de juros, porém, ele traz algumas vantagens. Entenda melhor o crediário no cartão de crédito como funciona, quais são as suas aplicações e as diferenças com relação ao crediário tradicional, praticado pelas maiores lojas do país.

Crediário no cartão de crédito – a nova modalidade chega para facilitar ou dificultar?

A novidade mal chegou, e alguns dos bancos mais importantes do país já aderiam a ela. Os bancos Bradesco, Itaú, Santander e Votorantim já afirmaram que trabalharão com esse serviço. O banco digital Nubank, uma das startups mais populares da atualidade, não entrará no negócio.

Como funciona o crediário tradicional?

O crediário tradicional é um velho conhecido dos brasileiros. Essa é uma opção de parcelamento que permite um tempo maior para pagamento, inclusive além daquele que é permitido nos cartões de crédito.

Para ter acesso a esse serviço, o consumidor tem o seu CPF e o seu histórico financeiro analisado antecipadamente pela empresa que vai emitir o benefício. Em cada parcela poderá ser acrescido um valor de juros.

Os parcelamentos podem variar muito, indo de 12 a 54 vezes. Agora vamos ver como fica o crediário no cartão de crédito, que promete ser uma opção vantajosa.

Entenda melhor o crediário no cartão de crédito

O crediário no cartão de crédito funcionará de maneira diferente. Para começar, ele está diretamente atrelado a um banco, no caso os bancos participantes desse modelo. A possibilidade de pagamento em parcelas será acompanhada de juros.

Esses valores adicionais serão definidos por cada instituição. Será possível calcular o valor final no ato da compra, através da própria maquininha que disponibiliza o serviço para o cliente. O procedimento será rápido e seguro.

Para o lojista:

O maior benefício do crediário no cartão de crédito, no entanto, ficará para o lojista. Se antes ele demoraria cerca de 30 dias para receber o valor, com esse crediário ele receberá dentro de 5 dias.

Os riscos de não quitação da dívida, e todo o processo de negociação sobre o pagamento será responsabilidade do banco que assumiu o pagamento, e não da loja que ofereceu a opção.

Taxas e condições oferecidas pelos bancos – veja o que eles anunciaram

As condições para o crediário no cartão de crédito foram anunciadas por alguns bancos. Eles apresentaram propostas, mas informam que tudo vai depender das adequações das máquinas – que precisam ser habilitadas para as funções.

  • Banco Itaú: O Itaú informou que poderá disponibilizar parcelas em até 24 vezes, mediante o acréscimo de taxas de juros para cada uma delas.
  • Banco Bradesco: já o Bradesco disponibilizou o serviço no mês de fevereiro/ 2019, e divulgou os valores de juros acrescidos: 0,99% até 3,99%.
  • Banco Santander: o Banco Santander oferecerá parcelamentos de até 36 vezes, com juros de 1,99%. 
  • Banco Votorantim: o BV não divulgou os valores de juros, mas afirmou que as parcelas deverão ter valor mínimo de 10 reais.

É importante ressaltar que o crediário no cartão de crédito deve ser pensado e planejado para que o consumidor não entre numa grande dívida. É essencial que ele tente se manter dentro de suas possibilidades financeiras.

O Crediário no cartão de crédito, se usado com o devido cuidado, pode ser uma boa opção para quem quer novas opções de parcelamentos.

Vale a pena parcelar a fatura do cartão de crédito?

0

Já parou para pensar se parcelar a fatura do cartão de crédito é realmente uma boa ideia? Refletir sobre esse ponto é algo que pode fazer uma grande diferença no final das contas, sabia?

Não há como negar que os cartões de créditos podem ser considerados os queridinhos por muitos brasileiros, mas sem o devido cuidado ele pode acabar se transformando em um inimigo e tanto!

Isso fica ainda mais evidente quando se mantém um certo descontrole financeiro – nesse caso, não há como fugir do fato que algo que poderia ser um aliado, poderá se transformar em um problemão.

O fato de poder dividir suas compras e também pagar somente no próximo mês pode ser bastante atraente, porém, sem uma boa dose de cuidados sua dívida pode virar uma enorme bola de neve.

Mas, afinal, quando realmente vale a pena parcelar a fatura do cartão de crédito? Quer descobrir? Então confira algumas informações básicas sobre esse assunto agora mesmo!

Parcelar a fatura do cartão de crédito – primeiramente entenda como funciona o parcelamento do seu cartão!

Como é de conhecimento geral, os cartões de créditos são itens oferecidos por diversas empresas financeiras e bancos. Nesse caso, cada um tende a trabalhar os tipos de taxas e juros que poderão ser aplicados, bem como as regras para inadimplentes.

Por esse motivo, um dos primeiros passos a serem adotados em possível endividamento é procurar entrar em contato com o banco, e a partir daí ter maiores detalhes sobre as opções.

Uma alternativa é optar pelo pagamento mínimo em alguns casos. Em geral, essa opção pode ser indicada para quem não pode arcar com o valor total da sua fatura de cartão.

Essa acaba sendo uma opção mais simples por conta de não haver necessidade de negociar diretamente com a empresa. Mas, é preciso cuidado para não entrar em círculo vicioso de só pagar o mínimo, pois, com ele vêm os juros.

É que ao fazer isso o consumidor poderá acabar entrando em uma modalidade denominada por crédito rotativo, que acaba atribuindo juros bem mais elevados.

Há ainda um segundo caminho que pode ser ofertado pela própria fatura do cartão de crédito – o parcelamento! Aqui, vale à pena conversar com a instituição para entender quais são as condições disponíveis, como no caso das taxas de juros, número de parcelas e outros aspectos!

E quando vale a pena parcelar a fatura do seu cartão de crédito?

De fato, ter a oportunidade de parcelar a fatura do cartão de crédito pode ser algo bem atraente em um primeiro momento, mas será que vale a pena?

Em linhas gerais, pode-se afirmar seguramente que são poucos os casos onde esse parcelamento pode realmente compensar!

Segundo a orientação de muitos especialistas, render-se a essa opção é mais indicado somente quando não se pode realmente realizar o pagamento mínimo ou se não for possível conseguir um crédito mais em conta.

A explicação para isso é que os juros praticados pelos cartões de crédito estão na lista dos mais elevados existentes no mercado e, por isso, o mais indicado é considerar fazer uma breve comparação com as taxas praticadas – e claro, procurar pela dívida que seja mais barata no final das contas!

Ainda é válido deixar uma dica extra:

  • Procure sempre que possível minimizar os efeitos nocivos acerca da sua dívida! Portanto, nada de ficar seduzido pelo parcelamento em 24 vezes se por ventura o seu orçamento permite condições para realizar o pagamento em um prazo mais curto de tempo!

Agora que você já sabe mais sobre o valer a pena ou não parcelar a fatura do cartão de crédito, considere essas informações na hora de realizar sua organização financeira!

Parcelamento no cartão de crédito tem juros?

0

Não é de hoje que o cartão de crédito se tornou um dos elementos mais populares entre os brasileiros! Mas, mesmo sendo tão presente em nossas vidas, ainda existem diversas dúvidas comuns quanto ao seu uso – uma delas é entender se o parcelamento no cartão de crédito tem juros.

De maneira geral, o parcelamento de compras pode acontecer tanto com, como também sem juros. Mas isso pode ser algo variável conforme as condições que serão ofertadas pelo próprio estabelecimento comercial em questão.

Se por ventura a loja não conceder aos clientes uma possível opção de parcelamento sem juros, e mesmo assim ele achar pertinente seguir adiante com a sua compra parcelada, não há como fugir – ele certamente irá arcar com os custos de juros que são cobrados pela administradora do cartão de crédito.

É importante ainda salientar que, nesse tipo de situação, os juros podem ser mais elevados – e novamente, variar de acordo com a administradora.

Mas, há ainda outros aspectos que podem ser abordados se tratando do parcelamento no cartão de crédito – conheça mais detalhes a seguir!

Parcelamento no cartão de crédito tem juros – entenda o parcelamento da fatura!

No caso da fatura do seu cartão de crédito, é preciso entender que essa não é uma possibilidade ofertada por todas as administradoras em atividade no mercado.

Além disso, é necessário considerar uma boa dose de cuidado, uma vez que não somente o parcelamento da fatura como também o pagamento do rotativo possuem juros bem elevados!

Mas, muita calma! Pode ser que você tenha realmente gastado mais do que podia no seu cartão, e infelizmente isso pode acontecer com muitas pessoas, afinal, manter as contas em dia em um país em uma enorme recessão tem sido um desafio e tanto, não é mesmo?

Se isso aconteceu com você, pode ser interessante então tentar ao menos renegociar sua dívida e ainda realizar o pagamento dela com uma linha de crédito que se adéque melhor à sua realidade e tenha melhores condições.

E o limite do cartão de crédito? O que é preciso entender?

Da mesma forma do que quando se pede um financiamento ou até mesmo um empréstimo, o limite de crédito do cartão tende a ser definido conforme as regras que foram devidamente definidas por parte da instituição financeira.

Nesse caso, ela poderá usar uma análise de perfil mais específica, podendo liberar ou não o seu cartão de crédito – em suma, devem ser considerados diversos dados, como os de risco, renda, capacidade para manter o pagamento e outros.

E a fatura do seu cartão? O que é importante entender?

Alguns itens devem requerer um pouco a mais da sua atenção para a fatura do cartão de crédito. Para lhe ajudar nesse entendimento, listamos algumas coisas:

  • Limite do crédito total;
  • Limite destinado para cada operação de crédito que seja passível de comparação;
  • Lista com todos os gastos que foram registrados no seu cartão de crédito, incluindo ainda informações importantes, como a data da compra e o número de parcelas;
  • Identificação das operações de crédito que foram devidamente contratadas e os valores associados;
  • O CET (Custo Efetivo Total) considerados para o próximo período das operações de crédito, como por exemplo, o rotativo;
  • Valor relacionado aos encargos que deverão ser cobrados no próximo mês. Isso é considerado se o cliente escolher pagar o mínimo da fatura;
  • É possível também visualizar o valor mínimo da fatura;

Agora que você já conhece mais detalhes sobre a sua fatura e também sobre o fato de que o parcelamento no cartão de crédito tem juros, considere essas informações para ter um melhor controle de seus gastos!

O que é cartão restrito?

1

O limite de crédito em seu cartão de crédito é o saldo máximo dado para você pelo banco emissor do cartão. Ao definir um limite de crédito, o banco controla seu poder de compra com o cartão. Entenda o que é cartão restrito.

Ao mesmo tempo, o limite de crédito definido ajuda a manter uma boa pontuação de crédito, que em caso dela estar alta você pode ser o nome no SPC e Serasa, se ela está baixa é tranquilo para você obter qualquer outro cartão.

Por isso que o cartão restrito é quando você é restringido a fazer um cartão de crédito, possuindo o famoso “nome sujo “ com o governo, sobrando apenas para obter outros meios e cartões.

Entenda como esse limite de crédito é decidido pelos bancos – Cartão restrito

Os diferentes emissores de cartões de crédito têm diferentes critérios de cálculo do limite de crédito a ser concedido a um candidato individual. Mas existem alguns elementos comuns que ajudam os bancos a decidir o limite de crédito.

Com o cartão restrito, você que deseja conseguir um cartão de crédito terá esse processo impedido.

Como suas informações de crédito são usadas?

A maioria das pessoas sabe que os bancos e as empresas de cartão de crédito aproveitam as informações fornecidas pelas agências de crédito para tomar certas decisões sobre você.

  • Saiba que outras empresas com finalidade permissível também podem puxar uma cópia do seu relatório de crédito.

As agências de crédito também podem fornecer informações a bancos e seguradoras para ajudar essas empresas a identificar os consumidores que podem, potencialmente, aproveitar produtos específicos.

 

Renda e Débitos

A próxima coisa que os bancos consideram para determinar seu limite de cartão de crédito é sua renda. É bastante simples, a quantidade de renda que você gera afetará o montante da dívida que você pode pagar.

Isso não significa que uma renda maior lhe dará um limite de crédito maior. Os bancos não consideram apenas o seu rendimento para o propósito, mas olham para a sua proporção de dívida por rendimento.

– A quantidade de suas dívidas existentes e como você as gerencia também terá um papel importante na decisão do limite de crédito do seu cartão.

Quanto maior a sua proporção de dívida / rendimento, menor será o limite do seu novo cartão de crédito e também há chances de você ter um cartão restrito, não podendo adquirir um cartão de crédito.

Limites em outros cartões de crédito

Os bancos também aceitam sugestões de outros bancos e provedores de cartão de crédito ao definir um limite em seu cartão de crédito. Assim, o limite de seus cartões de crédito existentes também ajudará a decidir o limite do seu novo cartão.

  • Se você já é um membro do grupo de elite de clientes de outro banco, será mais fácil obter um limite de crédito alto no novo cartão.

Sabendo todas essas razões de delimitam um cartão restrito, fique sempre atento e procure nunca sair com dívidas e pagar suas contas e faturas do cartão em dia.

Adquirindo um cartão mesmo recebendo o aviso de cartão restrito

Para pessoas que possuem um cartão restrito e não podem ter um cartão de crédito, é necessário procurar um banco ou um cartão que não avalia seu score.

Com isso, é muito comum as pessoas optarem pelo cartão pré-pago, onde não possui avaliação e consulta ao SPC e Serasa para ter a permissão de obter um cartão.

Dessa forma, para evitar ter um cartão restrito é preciso estar com suas contas em dicas, não criar dívidas e organizar seu consumo e orçamento de mês e ano para ter um controle de seus gastos em relação ao que você recebe de salário.

Vantagens de utilizar o cartão de crédito

0

Há quem pareça pensar que utilizar o cartão de crédito é um problema, não uma solução. Isso tem a ver com o fato de associarmos a obtenção de dívidas com o uso dese advento.

A questão é que se você tem consciência e é sábio nas suas finanças não vai ter problemas, e esse dispositivo pode acabar sendo um grande parceiro e um enorme aliado.

Agora, se você é uma pessoa que não tem as próprias economias controladas vai ter dores de cabeça ao utilizar o cartão de crédito. Abaixo, no entanto, vamos citar as principais vantagens de você apostar nesse direcionamento. Confira as nossas dicas e aprenda mais com cada uma delas!

Saber como utilizar o cartão de crédito é ótimo! Veja as vantagens!

Utilizar o cartão de crédito não precisa ser um desespero e um pavor para ninguém. Algumas pessoas temem por falta de consciência e de informação, mas dá para você ter esse advento e usa-lo de forma funcional e útil para as suas necessidades e demandas. Abaixo te mostraremos dicas de como esse dispositivo pode ser ótimo para você, então dê uma conferida no que vamos te contar:

  • É conveniente – Andar com dinheiro não é uma boa pedida em um país perigoso como o nosso, especialmente nas áreas urbanas. Utilizar o cartão de crédito acaba sendo uma forma mais conveniente de passar o seu dia sem ter nenhum tipo de problema ou de risco mais grave, ao menos em termos de roubo ou furto;
  • É oportuno – Nem sempre você vai ter grana viva na mão para consumir, quando aquela oportunidade imperdível aparece. Nesse caso contar com um dispositivo dese tipo pode ser uma mão na roda e uma praticidade maravilhosa, que vai permitir você fazer o que quer sem ter que esperar o seu próximo pagamento;
  • É funcional – Em termos de controle financeiro nada melhor do que ter um cartão. Especialmente hoje em dia, em que todos os adventos desse tipo contam com aplicativos. Neles você vai ver quanto está gastando e em alguns casos pode até determinar um limite específico para cada tipo de uso. É uma maneira muito eficaz de ter noção do que está usando;
  • É salvador – Em alguns casos a gente não quer ter a oportunidade de consumir mais, mas acontece uma emergência e temos que fazê-lo. Nesse tipo de situação contar com um cartão pode te ajudar a não passar nenhum aperto. É uma maneira de se salvar das urgências de forma prática e rápida;

A funcionalidade do cartão para o score de crédito

Se você ainda tem alguma dúvida sobre utilizar o cartão de crédito ou não vale a pena se ligar no seguinte: se você está com score de crédito baixo (saiba mais clicando aqui) vai ter nesse advento um meio para fazê-lo subir.

Isso porque se você fizer compras sempre no cartão e ainda paga-lo em dia (nada de atrasar) vai conseguir provar ao mercado a sua disposição de melhorar a sua situação financeira. Isso vale ouro para os órgãos de controle, que obviamente querem colaborar para que você obtenha mais crédito, mas não querem correr o risco de verem empresas não sendo pagas devidamente.

Assim sendo, saiba que sobram razões para você apostar e utilizar o cartão de crédito. Se você tiver noção dos seus gastos e do que você ganha a tendência é que não tenha problemas, mas se controle financeiro está sendo um tabu clicar aqui vale a pena! Veja mais dos nossos textos e do nosso conteúdo, porque a nossa missão é mesmo te ajudar!

Receba com cartão de crédito e aumente suas vendas

0

No mundo digital atual, é difícil acreditar que muitas pequenas empresas brasileiras ainda não aceitem cartões de crédito. Se você possui um estabelecimento, receba com cartão de crédito e aumente suas vendas.

Pense nisso, quando foi a última vez que você escreveu um cheque em sua mercearia local? Ou pagou por um bom jantar com um monte de dinheiro? Esses meios antigos de pagamento estão ficando para trás.

Embora as razões para a execução de uma operação somente em dinheiro sejam compreensíveis, pesquisas mostram que os pagamentos em dinheiro estão menos, por isso a melhor opção é receber com cartão de crédito e aumentar suas vendas.

Se você tem uma loja, receba com cartão de crédito e aumente suas vendas

A importância de passar a receber com cartão de crédito e aumentar suas vendas é grande, já que atualmente a tecnologia está cada vez mais frequente em todos os locais e poucas pessoas andam por aí com dinheiro vivo no bolso.

  • Até porque, tudo isso envolve maior segurança, dessa forma: receba com cartão de crédito e aumente suas vendas.

Se você não possuir máquina de cartão de crédito no local é possível que muitas pessoas vão querer seu produto, mas não vão conseguir comprar.

Se você está pensando em começar um negócio ou aceitar métodos de pagamento alternativos, conheça agora algumas razões para escolher o cartão de crédito e de débito em vez do dinheiro ou papel.

1. Fluxo de caixa melhorado

Com a maioria dos consumidores citando o débito e o crédito como seu método preferido de pagamento, a aceitação de cartões de crédito não só ajuda a expandir sua base de clientes, mas também ajuda os comerciantes a encurtar o tempo de financiamento, resultando em maior fluxo de caixa, crucial para o crescimento dos negócios.

Ao usar uma solução de processamento de pagamentos totalmente integrada para aceitar cartões de crédito, os depósitos normalmente ocorrem dentro de 24 a 48 horas úteis, reduzindo o tempo e as despesas de classificação e transporte de fundos para o banco e acelerando seus ciclos de pagamento.

2. Contabilidade exata

Pagamentos em dinheiro não deixam um rastro de papel, dificultando a reconciliação de contas. Isso torna mais difícil manter os registros contábeis organizados.

As transações somente em dinheiro são uma bandeira vermelha para funcionários do governo, levantando suspeitas de omitir a renda.

3. Aumento do tamanho de gastos do cliente

Os clientes normalmente gastam cerca de 18% a mais quando pagam com cartões de crédito.

Pesquisas experimentais mostram que, ao remover dinheiro da equação, você encoraja as pessoas a gastar mais.

– Em alguns casos, os clientes estão dispostos a gastar até 100% a mais quando usam cartões de crédito para fazer uma compra.

Por isso tudo que se você possuir um restaurante, loja de roupas, loja de eletrônicos e mais, faça a escolha certa: receba com cartão de crédito e aumente suas vendas.

4. Melhor atendimento ao cliente

Aceitar cartões de crédito não é apenas conveniente para os clientes, mas oferece mais opções, flexibilidade e também melhora a velocidade das transações.

A adoção de tecnologia de transação móvel, aprimora ainda mais a experiência do cliente, capacitando a equipe a concluir transações de vendas em qualquer local da loja.

5. Base de clientes expandida

Nos últimos anos, a porcentagem de pessoas que usam cartões de crédito como único método de pagamento aumentou com mais da metade de todos os titulares de cartão de crédito usando seus cartões para compras diárias.

  • Dentro disso, encontra-se até mesmo pequenas compras diárias.

Portanto, para acompanhar a tecnologia atual e não ficar para trás com seu negócio é importante fazer a escolha certa, receba com cartão de crédito e aumente suas vendas, pois assim você terá todos os benéficos citados acima.

Quem tem nome sujo pode ter um cartão adicional?

0

Quando você possui um mau crédito, pode parecer que você está preso em um labirinto e não tem para onde ir. Nesse meio tempo surgirá dificuldades para obter diversas coisas. Entenda se quem tem nome sujo pode ter um cartão adicional.

Com o histórico de crédito ruim você não conseguirá adquirir um empréstimo ou outro cartão de crédito por causa que seu nome se encontra no SPC e Serasa onde os bancos avaliam antes de te dar um cartão de crédito.

Ser responsável com um cartão de crédito é um bom método para reconstruir o seu crédito, mas há uma solução diferenciada, já que nome sujo pode ter um cartão adicional.  

Como as pessoas com nome sujo pode ter um cartão adicional?

Se você sempre cometeu erros de crédito, como falta de pagamento, pode ficar evitando os cartões de crédito para sempre. Mas os cartões de crédito são, na verdade, uma das melhores formas de reconstruir ou estabelecer seu crédito.

Embora você provavelmente não se qualifique para os cartões de crédito de grandes bancos, existem alternativas que podem ser tomadas.

Essas alternativas são tomadas por quem tem nome sujo pode ter um cartão adicional, como por exemplo, os cartões pré-pagos e também outros bancos que não exigem uma verificação de crédito.

Como é o processo de obter um cartão de crédito?

Entendendo que o cartão de crédito mais fácil de obter depende da sua credibilidade, a partir do momento que você solicita um cartão de crédito, o emissor do cartão executará uma verificação de crédito como parte do processo de inscrição.

  • Dessa maneira que você poderá saber se quem tem nome sujo pode ter um cartão adicional.

– O banco obterá seu histórico de crédito e também analisará os fatores que não estão em seus relatórios de crédito (como sua renda).

Se você tem um histórico de crédito e renda forte, provavelmente se qualificará para várias boas opções. Mas se você não possuir essas qualidades, terá que ser um pouco mais seletivo sobre os cartões para os quais se candidata.

  • Para ver quais cartões podem ser apropriados, você pode verificar ofertas de cartões pré-qualificados nos sites dos bancos e emissores de cartões.

Aprenda como construir seu crédito

Os cartões de crédito podem ser uma maneira excelente e 100% gratuita de criar seu crédito, principalmente para as pessoas que possuem nome sujo e desejam ter um cartão adicional.

Antes de aplicar para um cartão de crédito, você deve estar familiarizado com sua pontuação de crédito e relatórios para ver onde você cai.

Como as pontuações de crédito indicam sua credibilidade, essas informações ajudarão você a se ver da perspectiva do emissor do cartão de crédito.

  • Se as suas pontuações não estiverem onde você deseja, trabalhe na construção do seu crédito.

– Uma das melhores maneiras de fazer isso é com o uso inteligente de cartões de crédito: pagando suas contas a tempo e integralmente todos os meses.

Para obter sua pontuação de crédito ainda maior, evite estourar seu cartão. Quando você tem mais créditos disponíveis, você tem menor utilização de crédito – e pontuações mais altas.

Primeiro: Seja realista

Os comerciais de cartão de crédito impressionam os consumidores com baixas taxas de juros e regalias como o dinheiro de volta e ingressos para shows com desconto. Mas lembre-se, você tem crédito ruim – isso não é para você.

  • Você terá a “sorte” de obter um cartão com uma alta taxa de juros, e sua única recompensa será pontos para uma melhor pontuação de crédito.

Segundo: Explore suas opções

Lojas de departamentos e outros varejistas geralmente têm padrões mais flexíveis para os solicitantes de crédito. Se a sua pontuação for decente o suficiente para ser aceita, você poderá obter um cartão de cobrança da loja.

Terceiro: Atenha-se ao seu plano

Qualquer que seja a solução escolhida, não recaia em maus hábitos financeiros, mesmo sabendo que quem tem nome sujo pode ter um cartão adicional. Lembre-se de seu objetivo de reconstruir sua pontuação de crédito.

Os melhores cartões de crédito de 2019

0

Encontramos uma série de dispositivos para crédito que são bem legais e funcionais nos dias atuais. Cada vez crescem mais as opções desse mercado, mas a verdade é que nem todo mundo conhece os melhores cartões de crédito de 2019.

Esse talvez seja o seu caso, e se for é importante se informar para não ter que ficar para trás na hora de encontrar um advento que te sirva de maneira incrível e funcione de forma perfeita.

Abaixo vamos te dar ótimas dicas, que só tem a colaborar para que você se encontre e se resolva em todos os sentidos. Veja, portanto, nossos apontamentos para você descobrir os melhores cartões de crédito de 2019 e escolher o seu, aquele que mais vai te agregar e que melhor vai te ajudar! Vem!

Descubra os melhores cartões de crédito de 2019

Os melhores cartões de crédito de 2019 são desconhecidos por muita gente, mas a verdade é que com a informação certa desses produtos você pode aproveitar muito os seus consumos e simplificar bastante a sua vida.

A seguir nós vamos falar mais sobre isso, então veja os nossos apontamentos para que você enfim descubra aqueles cartões que vão ser mesmo incríveis para você. Siga as nossas dicas e aprenda:

  • Nubank – Já faz alguns anos que esse figura entre os melhores cartões, e ele segue estando entre os melhores cartões de crédito de 2019 com toda a certeza do mundo! Isso tem a ver com o fato dele ter um dos aplicativos mais funcionais de todos, te avisando rapidamente sobre cada gasto.

Além disso, o seu pessoal tem uma ótima comunicação com os consumidores e ele é aceito em vários lugares. Também possui programa de vantagens, que pode ser super interessante para algumas pessoas, de fato;

  • Banco Inter – O Banco Inter ficou famoso nos últimos anos pela função “depósito em boleto”, que permite que você faça um depósito a partir da emissão de um boleto da Inter, transferindo para a conta que lhe for mais conveniente. É uma empresa bastante reconhecida e também tem um ótimo aplicativo, o que pode ser funcional para quem se maneja mais digitalmente;
  • Next – Ele é um produto ofertado pelo Bradesco, que criou essa marca para se inserir no mundo das fintechs, que são as financeiras digitais. O cartão de crédito em questão é conhecido por ser bem eficaz em suas proposições, não tem anuidade dependendo do plano e te oferece descontos diversos em uma série de produtos e serviços, como por exemplo no Lollapalooza;
  • Credicard – Está entre os melhores cartões de crédito de 2019 porque nos últimos tempos fechou uma parceria com a Uber, permitindo que os seus usuários conseguissem fazer viagem por preços mais em conta. Além disso, também não tem anuidade e conta com um aplicativo que se não é excelente cumpre seus propósitos de maneira direta;

Compreenda que o melhor cartão é o que mais funciona para você

Além desses cartões que comentamos aqui existem muitos outros que estão famosos, e você vai receber indicação de muita gente te dizendo para optar por um, ou para ir pelo o outro. O nosso conselho é que você escolha aquele que melhor te atende e te serve, porque as suas necessidades estão sempre em primeiro lugar.

No mais, como você pode ver encontrar os melhores cartões de crédito de 2019 não é difícil, já que nesse setor opções desse tipo vem se multiplando. Para decidir pelo melhor vale um momento de reflexão e de debate interno, análise dos diferenciais e assim vai! Boa sorte!

O que é o score de crédito?

1

CONSULTE SEU SCORE > AQUI  – A maior parte das pessoas não faz a menor ideia do que é score de crédito, e talvez você faça parte desse time. Verdade seja dita: isso não é problemático ao extremo, mas é importante buscar mais informações, especialmente se você quer melhorar a sua vida financeira.

Sem ter conteúdo específico fica muito difícil você se livrar de dívidas, ou ter uma reputação melhor em meio ao mundo das finanças.

Acredite, isso é possível, e se torna ainda mais palpável quando você é uma pessoa que tem conteúdo!

Abaixo nós vamos falar mais sobre esse tema, analisando a fundo tudo que tange o score de crédito e a sua importância, para que você tenha noção sobre com o que está lidando a e importância do assunto. Aproveite as nossas dicas e aprenda mais com cada uma delas!

Saiba mais sobre o que é o score de crédito

Primeiro vamos às definições: o score de crédito nada mais é do que uma pontuação que vai de zero a 1000, feita para determinar se você tem mais chance de ser um bom pagador, ou mais probabilidade de se tornar um inadimplente.

CONSULTE SEU SCORE > AQUI

O cálculo para chegar a numeração específica é feito a partir da análise de uma série de informações, e entre os principais pontos observados nós podemos com certeza elencar…

  • As compras que você realiza;
  • Os pagamentos que você faz;
  • Os tipos de parcelamento que efetua;
  • A data em que paga suas contas;

Compreenda de que forma esse score é utilizado

As empresas e instituições financeiras consultam o score de crédito do cliente interessado em obter algum produto ou serviço específico, que pode ser desde um crediário em uma loja, até um empréstimo de banco. Quanto mais baixo for o seu score mais provável que essas organizações se recusem a te dar os benefícios pelos quais você está buscando, e vice e versa.

Descubra como melhorar o seu score

Melhorar o seu score é perfeitamente possível, mas trabalhoso. Primeiro você vai ter que se dirigir aos órgãos de controle de crédito, para avaliar a sua situação. De maneira geral, os que mais funcionam nesse sentido são o Serasa e o SPC.

Em ambos você pode ver como anda o seu quadro utilizando-se da internet ou da visita presencial. É claro que só buscar se informar não resolve o problema, então algumas medidas terão que ser tomadas por você, como por exemplo…

  • Negociar as suas dívidas, independentemente delas serem grandes ou pequenas. Quanto antes você fizer isso melhor, e saiba que dá para arrumar o seu score ainda que você negocie o pagamento dos seus débitos para o longo prazo;
  • Começar a pagar as suas contas em dia, porque muita gente não faz isso, e nem sempre é por falta de dinheiro. Faz muita diferença se organizar para conseguir ter as suas datas de vencimento posteriores às datas nas quais você recebe os seus proventos, porque assim você evita atrasos que normalmente não tem mesmo motivo para acontecer;

Veja se dá para elevar o score rapidamente

A verdade verdadeira é que normalmente não dá para você elevar o score do dia para a noite. É claro que aos poucos a coisa vai acontecendo, mas leva um tempo até que essa pontuação suba, porque a mudança no seu controle financeiro também tende a rolar de forma paulatina.

Assim sendo, não abra mão de fazer com que seu score de crédito cresça, mas compreenda que isso é mais gradual do que automático e que todo esforço feito nessa direção é bem-vindo, porque mesmo que demore os resultados vêm!

 

Tudo sobre cartões de créditos

1

Você sabe tudo sobre cartões de crédito? Quando usado de forma responsável, o cartão pode ajudá-lo a construir um bom histórico de crédito, permitindo que você obtenha empréstimos com taxas de juros favoráveis, seguro mais barato e até mesmo descontos em diversos setores.

Os cartões de crédito também podem ajudá-lo a ganhar recompensas em suas compras diárias e a proteger essas compras em caso de roubo ou danos.

Simplificando, um cartão de crédito pode ser muito útil se você o usar da maneira correta. Pronto para adquirir o seu primeiro cartão? Veja algumas dicas para fazer um bom negócio:

Como funciona o cartão de crédito?

Um cartão de crédito parece muito com seu cartão de débito. No entanto, em vez de ter os fundos removidos diretamente de sua conta corrente ao fazer uma compra, você basicamente fará um empréstimo de curto prazo. Este empréstimo pode ou não acumular juros, dependendo de quando você o pagar.

Para as compras feitas em um determinado ciclo de faturamento, que é de cerca de 30 dias, você terá um pequeno período de carência antes do vencimento do pagamento. Se você pagar o saldo integral até essa data, não precisará pagar juros. Se você pagar menos do que todo o saldo até a data de vencimento, acumulará juros sobre seu saldo médio diário.

Por que você deve obter um cartão de crédito?

Cartões de crédito vêm com inúmeros benefícios. Primeiro, e talvez mais importante, um cartão de crédito usado sabiamente ajudará você a construir sua reputação de crédito.

Isso pode ajudá-lo a obter empréstimos futuros a taxas favoráveis.  Muitos cartões também oferecem recompensas em dinheiro ou viagens, normalmente equivalentes a 1% a 2% do valor gasto.

Muitos cartões ainda oferecem benefícios de compras ou viagens que podem economizar seu dinheiro. Antes de escolher um cartão, verifique sua política de benefícios e todos os detalhes associados.

Quais taxas são cobradas

Há uma série de possíveis taxas de cartão de crédito que você pode precisar pagar, mas muitas delas são facilmente evitadas. Aqui estão as taxas mais comuns:

  • Taxa anual: as taxas anuais são frequentemente cobradas em cartões de recompensa de alto valor, bem como em cartões para consumidores de alto risco com menor pontuação de crédito. Você pode evitá-los procurando por um cartão sem uma taxa anual.
  • Taxa de transação internacional: cobrada sempre que você fizer uma compra no exterior, normalmente entre 3% e 4% de sua compra. Para evitar essa taxa, você pode tentar obter um cartão de crédito sem taxas de transação no exterior. Se você viajar para o exterior, é muito mais vantajoso ter um cartão sem essas taxas.
  • Taxa de atraso no pagamento: cobrada se você não pagar pelo menos o pagamento mínimo até a data de vencimento do extrato do cartão de crédito. Evite isso, sempre fazendo seus pagamentos em dia.
  • Taxa acima do limite: Cobrada se seu saldo exceder seu limite de crédito. Alguns cartões não possuem essa taxa adicional, entretanto, você pode ter suas compras rejeitadas ao ultrapassar seu limite.

Como a maioria dos produtos financeiros, as vantagens dos cartões de crédito são mais bem aproveitadas quando os cartões são usados ​​com responsabilidade.

Se você não quitar sua fatura em dia é provável que continue a acumular juros, reduzir o poder de compra e potencialmente limitar os benefícios de ter um cartão de crédito.

Uma boa regra prática para usar cartões de crédito com responsabilidade é não os usar para compras por impulso ou itens inacessíveis se você não puder pagá-los dentro de um período razoável.

Saiba como adquirir um cartão de credito Netshoes

0

Foi-se o tempo em que apenas os bancos eram os responsáveis por emitir cartões de crédito e débito. Hoje em dia há várias ofertas no mercado, como o cartão da Netshoes. Saiba como adquirir um cartão de credito Netshoes.

Optar por cartões de outras empresas tem se mostrado vantajoso, mesmo que estes ainda sejam vinculados aos bancos, pois conferem benefícios exclusivos de produtos na loja.

Se você nunca ouviu falar do cartão da Netshoes está na hora de conhecê-lo. Caso estiver na dúvida entre fazê-lo ou não, ou se está apenas procurando uma nova opção de cartão, aqui irá tirar todas as suas dúvidas.

Saiba como adquirir um cartão de credito Netshoes

Adquirir um cartão de credito Netshoes é muito fácil, prático e seguro. O primeiro passo que você deve fazer é a solicitação do cartão de crédito N Card (como é chamado o cartão da Netshoes) no site da Netshoes ou Zattini.

Na página de solicitação será preciso preencher um breve formulário com as suas informações. Feito isso, os dados serão analisados pelo setor de crédito do Banco Itaucard (o N Card é vinculado ao banco Itaú).

Sendo os dados avaliados e a proposta aceita, o banco irá enviar o cartão de crédito ao endereço informado no formulário. A senha será enviada via SMS para o celular cadastrado.

Há duas possibilidades na hora de adquirir um cartão de crédito Netshoes: o N Card Internacional ou o N Card Gold. A renda mínima para o Internacional é de R$100,00, enquanto a versão Gold é de R$2500,00.

Além disso, a anuidade do Internacional também é mais barata (12 parcelas de R$15,50) quando comparada com a anuidade do Gold (12 parcelas de R$23,90).

O cartão de crédito Gold possui maiores limites devido ao preço da anuidade e da avaliação da renda mínima. Ambos possuem os benefícios em compras da Netshoes.

Dúvidas frequentes

Quais documentos são necessários para solicitar o cartão?

O formulário irá requerer o número do RG, CPF, endereço residencial e, caso haja, endereço comercial.

Quanto tempo o cartão demora a chegar depois da aprovação?

O prazo de entrega do cartão na residência cadastrada é de até 15 dias, mas normalmente a entrega demora menos.

Qual é o limite do cartão?

O limite irá depender dos dados informados ao banco Itaú. Após a análise de crédito o valor será informado e liberado.

Existe a possibilidade de crédito pessoal?

Ao adquirir o cartão de crédito Netshoes você também tem o direito de solicitar crédito pessoal. A proposta será analisada pelo banco.

Há suporte para tirar outras dúvidas?

A central de atendimento tem o horário de segunda a sábado, das 6h00 até 22h00. Telefone: 3003-3030 (capitais ou regiões metropolitanas) e 0800 720 3030 (demais localidades).

Benefícios do N Card

Como já citamos, ao adquirir o seu cartão de crédito Netshoes você tem o direito a benefícios exclusivos no site de compra. Para começar, a loja oferece 10% de desconto adicional em praticamente todos os produtos.

Há descontos maiores ainda em produtos selecionados pelo site, parcelamento em até 15 vezes sem juros, desconto em camisetas oficiais e muitos descontos no site da loja Zattini (roupas, calçados e acessórios).

O N Card vale a pena? Isso depende do perfil de cada pessoa. Se você está precisando de um cartão de crédito e realiza muitas compras pela Netshoes ou Zattini, então o cartão se faz bem interessante.

Além disso, adquirir o seu cartão de crédito Netshoes também te dá o direito dos benefícios do cartão de crédito Itaú. Consulte uma agência ou o atendimento da Netshoes caso ainda haja alguma dúvida.

Qual o cartão de crédito mais usado?

0

Ninguém hoje em dia vive sem cartão de crédito não é mesmo? Mas qual será o cartão de crédito mais usado? É possível saber qual é o cartão de crédito mais vantajoso para o meu caso?

Essas dúvidas são muito comuns entre pessoas que estão insatisfeitas com os serviços do cartão de crédito ou simplesmente estão buscando adquirir um novo.

Conhecer um pouco mais sobre esse assunto é fundamental para que você não erre na hora de escolher o seu cartão de crédito. Aqui nós iremos falar um pouco sobre cada tipo de cartão e quais são os preferidos.

Qual o cartão de crédito mais usado?

Não é possível dizer pontualmente qual é o cartão de crédito mais usado, mas é possível listar quais são os mais procurados pelos brasileiros nos últimos anos. A partir disso é possível selecionar quais são os melhores.

Quando pensamos em cartões de crédito a primeira coisa que nos vem à cabeça são os bancos. De fato, eles são os principais distribuidores de cartões. Bradesco, Santander, Itaú, Banco do Brasil e Caixa são os mais procurados.

Hoje em dia há mais ofertas do que antigamente e outras empresas começaram a ceder cartões, como as lojas físicas e digitais. É possível solicitar um cartão de crédito na Renner, Lojas Americanas, Netshoes, entre outras.

A maior novidade dos últimos anos são os cartões de empresas credoras que oferecem o benefício de crédito sem cobrar anuidade ou taxas. Os mais famosos são o Nubank e o Digio, ambos muito procurados hoje em dia.

Cada cartão possui sua bandeira, sendo a VISA e MasterCard as mais aceitas em todo o Brasil. Além disso, cada cartão possui a sua categoria. Ou seja, há diversos tipos de cartões de um mesmo banco ou de uma mesma bandeira.

Dentre tantas opções, como descobrir qual é o cartão mais usado ou qual deles é o melhor? Cada um deles é mais preferido por um determinado perfil de pessoas por ir de acordo com suas necessidades.

Tipos de cartões e para quem são melhores

Cartões de banco

Esse é o cartão de crédito mais usado por aquelas pessoas que já possuem uma conta em banco. Assim que abrimos uma conta é comum o banco ceder os cartões, então fica mais fácil utilizá-los.

Cartão sem anuidade

Se você não quer ter uma conta em banco ou precisa de outro cartão de crédito, mas não quer pagar a mais por ele, os cartões sem anuidade são uma ótima opção.

Cartão de loja

Caso você faça muitas compras em uma determinada loja e ela ofereça cartões de crédito com benefícios essa pode ser uma alternativa interessante para economizar. Algumas lojas não cobram anuidade.

Converse com os gerentes

Nem sempre o cartão de crédito mais usado pelas pessoas será o melhor cartão de crédito para o seu caso. Cada um tem um perfil financeiro e o banco calcula o limite de crédito a partir dele.

O mais recomendado é que você faça uma consulta nos bancos que mais lhe atraiam e converse com o gerente a respeito da anuidade, limite do cartão e afins.

Compare as oportunidades com os cartões de crédito alternativos (sem anuidade ou cartões de crédito de loja) e faça uma análise. Veja os prós e contras e decida qual é o melhor para o seu caso.

O cartão de crédito mais usado por você deve ir de acordo com as suas despesas e a anuidade deve ser compatível com o seu orçamento. Quer mais uma dica? Sempre busque saber de todos os benefícios que cartão oferece.

Qual o limite ideal de cartão de crédito?

0

Identificar qual é o limite ideal de cartão de crédito pode ser uma tarefa e tanto. Afinal, geralmente esse valor já é sugerido pela administradora, e acabamos seduzidos com os créditos mais altos – sem imaginar o problema que isso pode causar!

Existem alguns cálculos que são primordiais para quem quer obter um cartão de crédito. eles devem ser feitos para que você não entre em uma dívida sem fim, pois é isso o que acontece quando o limite é muito maior do que suportamos.

Então veja algumas dicas de como identificar o limite ideal de cartão de crédito, e não corra o risco de obter um cartão do qual você não condições de manter! Pensar nisso é importantíssimo para a sua saúde e bem-estar financeiros.

Dicas para descobrir qual o limite ideal de cartão de crédito

Antes de tudo você precisa entender exatamente o que é o limite. O limite é o valor de crédito que o seu cartão possui, ou seja, o valor que a administradora disponibilizou para você gastar em compras parceladas.

Isso não é definido de uma hora para outra, sem nenhum respaldo. Para chegar a um valor, a administradora faz uma longa pesquisa sobre a sua vida financeira, e analisa algumas questões essenciais, tais como:

  • Renda mensal;
  • Histórico de dívidas;
  • Riscos de inadimplência;
  • Relacionamento com o banco, etc.

Depois de obter essas e outras informações a seu respeito – e tudo isso sem te consultar – a administradora consegue chegar e um valor x que será disponibilizado no cartão. Mas nem sempre esse é o limite ideal de cartão de crédito!

Se o cartão for mais alto do que você imaginava, peça para baixar!

Pense o seguinte: a empresa que fornece o cartão fez as contas a partir de seu rendimento bruto, sem considerar todos os outros gastos que você tem – aluguel, luz, água, telefone, etc. então, obviamente eles vão librar um valor que muitas vezes é maior do que deveria ser. Mas como saber?

Calcule o limite ideal de cartão de crédito:

O limite ideal de cartão de crédito não deve comprometer a sua renda mensal inteira. O mais adequado é que ele chegue no máximo até 50% de sua renda. Por isso, a primeira coisa a fazer é colocar tudo isso na ponta do lápis.

Descubra quanto você ganha – se você é autônomo, tire uma média calculando os últimos 4 meses, por exemplo. A partir disso, calcule seus gastos fixos, aqueles que se repetem todos os meses.

Agora, dentro do que sobrou, você pode calcular um percentual que considera interessante para ter de crédito. esse é o valor que você pode gastar em fatura, e o limite ideal de cartão de crédito deve estar de acordo com ele.

Converse e negocie um limite interessante com a sua administradora!

Saiba que é um direito seu e de qualquer consumidor negociar o limite ideal de cartão de crédito. Seja para mais ou para menos, você pode entrar em contato para mandar uma proposta e verificar uma alteração no valor.

A diminuição do limite costuma ser mais fácil, enquanto o aumento do limite ideal de cartão de crédito vai demandar novamente de pesquisas e análises antes de ser aprovado ou não. O banco faz isso pensando na própria segurança, e também no seu bem-estar.

O mais importante é compreender que o limite não pode comprometer a sua renda completa. É muito importante ter cuidado com isso, ou você vai acabar entrando em uma grande dívida. Caso isso já tenha acontecido, temos conteúdos explicando como conseguir se livrar delas.

O limite ideal de cartão de crédito deve lhe dar uma margem de segurança e um alívio, e não ter potencial para se tonar uma grande dor de cabeça.

4 dicas para não perder o controle com cartão de crédito

0

Todo mundo sabe que o cartão de crédito, é uma ótima ferramenta para facilitar a nossa vida na hora de fazer compras e pagamentos.  Porém, diante de tanta facilidade, é extremamente importante seguir algumas dicas para não perder o controle com o cartão de crédito, e acabar entrando em dívidas.

Sem dúvidas, o cartão de crédito, é um dos itens indispensáveis para a nossa vida, pois, ele é prático e seguro, e também muito conveniente, principalmente para as pessoas que gostam de fazer compras parceladas.

Porém, ele pode ser uma desvantagem para as pessoas que tendem a perder o controle com o cartão de crédito, gastando mais do que devia, e acumulando juros e dividas.

Clique no botão próxima para continuar 

↓↓

Próxima Página

Dicas de segurança para cartão

0

Hoje em dia, praticamente todas as pessoas possuem um cartão de crédito, mas mesmo assim, poucas conhecem as dicas de segurança para cartão. É muito importante conhece-las, para que você possa usar o seu cartão com mais segurança e tranquilidade.

O cartão de crédito, pode ser usado tanto em compras presenciais, como também em compras online, o que as dicas de segurança para cartão, precisem ser redobradas.

Os dados afirmam que, pelo menos 1 entre 4 pessoas que possuem cartão de crédito, já caíram em algum tipo de golpe ou de fraude, por isso, todo o cuidado ainda é pouco quando se trata desse assunto.

Conheça algumas dicas de segurança para cartão em lojas físicas

Use sempre um cartão com chip;

Hoje em dia, o cartão mais seguro, é o cartão com chip. Por isso, se o seu cartão não possui chip, solicite ao banco para realizar a troca, assim, você estará mais protegido para fazer as suas compras.

O chip, torna mais difícil que o cartão possa ser clonado, desta forma, você poderá usá-lo sem receio.

Esteja sempre vendo o seu cartão;

No momento em que for fazer uma transação, ou um pagamento, é importante que você nunca perca o seu cartão do seu campo de visão. Por isso, sempre prefira que a máquina venha até você. Se por algum motivo o lojista precisar levar o seu cartão para algum lugar, vá junto.

Insira o cartão na máquina você mesmo

Evite sempre entregar o seu cartão para estranhos, inclusive no momento de inseri-lo na máquina. Lembre-se que o cartão deve sempre estar na sua posse, pois em questões de segundos, é possível que ele sofra alguma fraude ou seja clonado.

Conheça agora, dicas de segurança para cartão em lojas online

Tenha um antivírus;

Antes de fazer qualquer tipo de compra online, é indispensável que você faça a instalação de um antivírus no seu computador. É possível encontrar diversos tipos de antivírus eficientes de forma gratuita, por tanto, este é um item fundamental para a segurança do seu cartão.

Faça um seguro para cartão de crédito;

Sempre contrate o seguro oferecido pelo seu cartão de crédito, pois ele possui um custo baixo, e a sua eficiência é bem significativa. Para quem faz compras online com frequência, esta é uma garantia a mais de segurança para cartão.

Tendo este seguro, caso aconteça alguma fraude com o seu cartão, você poderá estar resguardado, podendo resolver tudo com toda a assistência necessária, evitando assim dores de cabeça.

Compre sempre em lojas conhecidas;

Outra dica valiosa de segurança para cartão, é sempre optar por lojas online que você conheça, ou tenha referências sobre ela.

Se você tiver alguma dúvida, faça uma pesquisa na internet sobre a loja, que certamente você vai encontrar avaliações, e relatos das experiências que outros clientes tiveram ao comprar nela.

A qualquer sinal diferente do que estamos acostumados a ver em uma loja online, não prossiga a sua compra, e desconfie de que pode se tratar de uma fraude para conseguir os dados do seu cartão.

Como podemos ver, é possível sim ter segurança para cartão, tanto nas compras físicas, como também ao fazer compras online. Por isso, é importante seguir as dicas que foram dadas aqui.

Com apenas alguns cuidados, você poderá evitar ter problemas maiores, além também de prejuízos financeiros.

Sendo assim, agora você já sabe quais são as dicas para segurança para cartão, e como elas podem ser usadas para que você possa fazer as suas compras com mais segurança e tranquilidade, sem correr riscos de ter o seu cartão fraudado ou clonado.

Máquina de cartão de crédito para autônomos

0

Você por acaso está em busca de alguma alternativa para melhorar seu negócio? Certamente, investir em uma máquina de cartão de crédito para autônomos pode ser um excelente caminho, sabia?

Na verdade, quem tem planos de melhorar o seu negócio, deve logo pensar em atribuir facilidades para seus clientes. E nesse sentido, as formas de pagamentos que poderão ser acessíveis podem ser um dos aspectos mais importantes para manter os melhores resultados.

Afinal, estamos falando da oportunidade de fazer pagamentos, tanto de produtos como de serviços, por meio do cartão de crédito ou do cartão de débito – e certamente isso pode ser visto por seus clientes como uma facilidade.

Hoje em dia, a variedade nas formas de pagamento é um grande diferencial para o consumidor. Geralmente, os clientes buscam por empresas que se mostram mais versáteis nesse sentido.

Por que você deve ter uma máquina de cartão de crédito para autônomos?

Responder a essa pergunta é algo que não depende de muito debate! O fato é que ter mais uma opção para sua clientela na hora de realizar os pagamentos é sempre um excelente motivo, e pode ser o seu grande diferencial!

Afinal, ter a possibilidade de usar o cartão de crédito ou até mesmo o cartão de débito de maneira absolutamente simples, segura e prática é algo que grande parte dos consumidores hoje em dia preferem e consideram na hora de consumir!

Quem é um microempreendedor ou até mesmo um profissional autônomo pode (e deve!) investir no uso dessa tecnologia, visto que tal decisão poderá ajudar a ampliar potencialmente o seu negócio e, claro, o faturamento – tudo considerando taxas administrativas mais baixas!

Outro detalhe que precisa ser destacado é que você também poderá contar com uma possível antecipação de vendas junto à sua operadora! Prático, não é mesmo?

Diante disso, optar por usar na sua rotina uma máquina de cartão de crédito envolve uma série de vantagens, bem como mais praticidade, flexibilidade e ainda uma possível elevação de suas vendas!

Conhecendo as vantagens! O que você precisa saber?

De maneira mais objetiva e simplificada, podemos destacar algumas vantagens quanto à adoção da máquina de cartão de crédito para microempreendedores!

Confira abaixo:

  • Elevação das vendas, visto que os cartões de crédito e também de débito são simplesmente as formas de pagamento mais usadas por parte dos consumidores!
  • Muito mais segurança, não somente para você, como também para o seu cliente. Isso porque não será mais preciso ficar com dinheiro em espécie no bolso, pois, a venda irá diretamente para a sua conta bancária!
  • Uma maior praticidade no dia a dia, considerando que será possível carregar sua maquininha de cartão para todos os lugares. Isso é uma realidade hoje em dia, pois, grande parte das máquinas tendem a operar sem fio ou simplesmente de forma direta com o smartphone!
  • Você poderá estar um passo à frente de seus concorrentes, afinal, ele provavelmente já aceita cartões na hora de vender seus produtos ou serviços, e você não pode ficar ultrapassado nesse sentido!
  • O custo também é relativamente baixo, afinal, diante de tantos novos negócios vigentes no mercado, as operadoras de cartão estão concedendo custos bem acessíveis para quem está à procura desse serviço!

Como ficou evidente, contar com uma máquina de cartão de crédito para autônomos é um excelente negócio! Ela não somente representa uma facilidade extra para a sua rotina, como também é um importante fator competitivo!

Se você ainda não usa a máquina de cartão de crédito para autônomos, a hora de começar é agora! Faça a sua adesão por uma maquininha, e veja como as vendas vão aumentar potencialmente.

Qual a melhor máquina de cartão com menor taxa?

0

Muitos comerciantes ainda se veem resistentes quando o assunto é aderir a máquina de cartão de crédito em seu estabelecimento. Mas, é preciso se adequar as modernidades nos dias de hoje. E para isso, é sempre bom procurar a melhor máquina de cartão.

Quem tem um estabelecimento, sabe que são muitos os pontos a se pensar na hora de contratar uma empresa responsável pela máquina de cartão de crédito.

Tem que se preocupar com as mensalidades, o valor que se vai ganhar em cima de cada venda, quando o dinheiro vai cair na conta, etc. Por isso, todo comerciante sempre busca a melhor máquina de cartão, para evitar maiores dores de cabeça.

Mesmo com todas essas questões que o comerciante deve se preocupar, ele deve entender que oferecer a melhor máquina de cartão, pode trazer inúmeros benefícios em seu estabelecimento.

Benefícios de se ter a melhor máquina de cartão

  • Oferecer opções na hora de pagar: pode parecer simples, mas para o cliente, ter mais de uma possibilidade na hora de realizar o pagamento, é algo benéfico. Muitas pessoas já não têm mais o hábito de carregar dinheiro em espécie, e se, deixam o estabelecimento para irem até um caixa eletrônico para sacar dinheiro, podem não voltar mais, e o lojista perder sua venda;
  • Agendar o pagamento: por se tratar de um crédito, seu cliente não precisará desembolsar o dinheiro no ato da compra. Isso faz com que suas vendas aumentem, pois os clientes irão ceder a vontade de realizar a compra, sabendo que poderão pagar somente no próximo mês;
  • Se igualar a concorrência: quando você deixa de implantar uma máquina de cartão de crédito em seu estabelecimento, você não está economizando, e sim, perdendo venda. Para brigar com a concorrência, é preciso se colocar nas mesmas condições que eles;

Como escolher a melhor máquina de cartão com menor taxa?

Na hora de contratar uma operadora de cartão de crédito para seu estabelecimento, é necessário pesquisar sobre os benefícios, e taxas oferecidas por cada uma:

  • Cielo: é uma das empresas mais famosas do ramo de cartão de crédito. Se você pensa em aderir a Cielo em seu estabelecimento, saiba que ela cobra uma taxa de R$ 79,90 (taxa única), e sua mensalidade pode variar entre R$ 109,00 a R$ 159,00, esse valor depende do tipo da máquina escolhida;
  • PagSeguro: a PagSeguro, é a representante da maquininha de cartão moderninha. Talvez, essa seja considerada a melhor máquina de cartão, por não possuir mensalidades. Você apenas paga os valores entre R$ 600,00 a R$ 800,00 (depende do valor), e pode utilizar sem mensalidades nem taxa de adesão;
  • Rede: Para as maquininhas da marca Rede, é cobrada uma taxa de adesão R$ 69,00 e mensalidade de R$ 29,90 até R$ 139,90;
  • BIN: Essa empresa é nova no mercado, mas, já é considerada a melhor no quesito de cobrança taxas. A BIN não cobra taxa de adesão do comerciante, e as mensalidades tem custos de R$ 70,00 a R$ 90,00;
  • Elavon: Essa empresa é uma das mais conhecidas mundialmente, por estar presente em mais de 30 países há 20 anos. A Elavon, dispõe de um contrato, e os custos de taxa e mensalidades, variam de empresa para empresa.

Deve-se levar em consideração na hora de fechar um contrato com uma empresa de cartão de crédito, os valores cobrados em taxas e mensalidades. Mas, também analisar as bandeiras que estão disponíveis, como, visa, mastercard, Diners, Discover, VR Benefícios e Ticket.

É muito importante pesquisar sobre os benefícios oferecidos pelo cartão de crédito. Pois com valores apropriados, e bons benefícios, você conseguirá possuir a melhor máquina de cartão.

Qual a taxa das máquinas de cartão?

0

Quando se fala em formas de pagamento, a primeira coisa que vem a nossa cabeça é a facilidade que os cartões de crédito ou débito, nos proporciona na hora da compra. Mas, você que é comerciante, já parou para analisar a taxa das máquinas de cartão disponíveis no mercado?

O cartão de crédito é muito conhecido, e faz muito sucesso entre os brasileiros, portanto, caso você ainda não faça uso de uma máquina de cartão, comece a pensar sobre as vantagens de oferecer essa forma de pagamento aos seus clientes.

Muitos empreendedores ainda têm dúvidas sobre as empresas que disponibilizam as máquinas de cartão, quanto as taxas e mensalidades cobradas, e se no final da venda esses custos ainda compensarão.

Por isso, se você está pensando em adquirir ou mudar a maquininha de cartão do seu estabelecimento, você deve ficar bastante atento na hora de fechar um contrato com uma empresa responsável.

Antigamente as empresas de cartão exigiam do comércio uma certa exclusividade entre bandeiras e operadoras de crédito, hoje em dia não é mais assim. O comerciante pode instalar maquininhas de diversas bandeiras em seu comércio, sem que haja nenhum problema.

Benefícios em vender no cartão

  • Evitar roubos: quando se vende no cartão, se acumula menos dinheiro em espécie no comércio o que chama menos atenção quando os ladrões buscam um alvo para o assalto;
  • Comodidade para o cliente: é difícil encontrar pessoas que andam pelas ruas com dinheiro em suas bolsas ou carteiras, a maioria prefere efetuar o pagamento de suas compras por cartão de crédito ou débito;
  • Não perder venda: o cliente gostou da mercadoria, mas no momento não tem o dinheiro necessário para a compra. Com o cartão ele pode efetuar a compra pois se trata de um crédito, ele irá pagar somente na próxima fatura;
  • Benefícios: algumas operadoras de cartão ainda disponibilizam algumas vantagens para o comerciante quando se instala a maquininha uma delas é a recarga de crédito para o celular. Mas um benefício que você pode oferecer aos seus clientes na hora das compras.

Confira como é a taxa das máquinas de cartão:

De acordo com as pesquisas realizadas no mercado, entre custos e taxa das máquinas de cartão, estas foram consideradas as melhores:

  • Moderninha Pro: esse modelo de máquina vem com recibo do PagSeguro, e aceita as principais bandeiras de cartão. Com um investimento de R$ 238,80, que pode ser parcelado em até 12 vezes, você pode ter a sua;
  • Moderninha Plus: esse modelo é indicado para quem vende um pouco menos, mas nem por isso ela deixa de ser completa, o comerciante vai contar com um modelo mais simples, mas bem funcional pelo valor de R$ 82,80, que pode ser dividido em 12 vezes sem juros;
  • SumUp Super: Considerada a melhor no quesito de taxa de débito e de parcelamentos. Pelo valor de R$ 226,80, que pode ser facilitado através de parcelamento, você pode adquirir essa maquininha com 3 anos de garantia.

Sua aceitação é bem ampla no que se refere as bandeiras de cartão, ela apenas não aceita nenhum cartão referente a vale refeição/alimentação.

  • Minizinha Chip: essa é uma excelente opção para quem quer investir na comodidade do cartão, sem gastar muito. Por apenas R$ 118,80, você pode contar com as vantagens de oferecer a forma de pagamento com cartão de crédito ou débito.

Todas as empresas mencionadas acima, possuem uma taxa das máquinas de cartão, que mais se adequam ao perfil do empreendedor.

Por isso, é interessante analisar todas as propostas e colocar no papel os custos e benefícios, só assim, você chegará a melhor taxa das máquinas de cartão.

Cartão de crédito devo comprar à vista ou parcelado?

0

Se você está na dúvida sobre comprar à vista ou parcelado em seu cartão de crédito, então isso prova que você é um consumidor cauteloso. Afinal, questionar-se sobre isso é o primeiro passo para a consciência e a educação financeira!

Sem dúvidas os cartões são essenciais nos dias de hoje. Principalmente considerando que o país enfrenta uma grave crise econômica há alguns anos, o que levou todo mundo a enfrentar dificuldades financeiras.

E a possibilidade de fazer compras em parcelas é realmente algo ótimo. Mas será que é melhor comprar à vista ou parcelado? Isso vai depender de uma série de fatores, e vamos entender alguns deles a seguir.

Comprar à vista ou parcelado? Descubra qual é a opção mais inteligente!

Tomar a decisão de comprar à vista ou parcelado pode ser complicada, mas quando você aprender a analisar cada caso com cuidado, saberá como fazer isso sem grandes dificuldades.

Comprar à vista parece sempre ser uma escolha inteligente. Afinal, se você tem o dinheiro reservado, porque não fazer isso, e se livrar de uma vez por todas das parcelas em sua fatura?

Dinheiro investido:

Se você possui um investimento, e quer utilizar esse dinheiro para comprar à vista, é importante analisar uma coisa antes: o rendimento. Existem situações em que o seu rendimento do dinheiro aplicado em algum título, por exemplo, pode ser maior do que os juros que você vai pagar se parcelar a compra.

Então, ao invés de sacar aquele valor para quitar a sua compra “na lata”, você deve preferir pagar em parcelas, e manter o dinheiro rendendo para você.

Agora, se o seu dinheiro não está aplicado, ele apenas foi guardado em sua conta corrente, ou em um investimento de rendimento ínfimo, como a poupança, pode ser que entre comprar à vista ou parcelado seja melhor pagar tudo de uma vez.

Assim você se livra dos juros que serão acrescidos, consegue desfrutar do produto sem preocupações, e não perde nada do rendimento – já que ele era bem pouco ou nenhum.

Cada caso é um caso – pense com cautela antes de tomar uma decisão!

O mais importante é você analisar com cuidado qual é a opção mais interessante para o seu caso: comprar à vista ou parcelado. Para isso, é essencial colocar os encargos no papel, e verificar o quanto você vai gastar com isso com o decorrer dos meses, até quitar a compra.

Utilidade do cartão de crédito:

Outra coisa importante é pensar se não é uma boa ideia ter um dinheiro guardado para emergências, ou é melhor deixar o cartão de crédito livre para isso. Analise essa questão pensando no futuro.

Existem casos em que pode ser interessante dar uma entrada no valor, parcelar o restante e deixar um montante guardado por segurança. Perceba que são muitas as opções, e que elas dependem de uma série de fatores!

Entenda os encargos, as cobranças, e sempre pense no valor final a ser pago!

Para conseguir decidir entre comprar à vista ou parcelado você deve sempre entender muito bem as cobranças e os encargos que serão acrescidos. A partir disso, analise o valor final da compra, e tome a sua decisão.

Se você optar por parcelar no cartão de crédito, então tenha certeza de que conseguirá honrar com essas parcelas. Uma ideia interessante é esperar quitar completamente uma dívida antes de começar outra!

Ter dúvidas sobre comprar à vista ou parcelado é absolutamente normal. O essencial é mesmo se debruçar sobre as possibilidades antes de fechar negócio, e fazer uma escolha pautada na razão e consciência financeira, e não somente na impulsividade e urgência de consumo.

Como funciona o pagamento com cartão de crédito?

0

Com tanta modernidade nos dias de hoje, não é de se estranhar que os cartões de crédito, tenham tomado o lugar das cédulas de dinheiro nas bolsas e carteiras de toda população. As pessoas têm preferido efetuar o pagamento com cartão de crédito, devido a facilidade e aos benefícios.

Sabendo fazer o bom uso, o cartão de crédito, ele se torna um item indispensável, por ser uma forma de pagamento prática, rápida e segura, e ainda por oferecer a possibilidade do parcelamento no ato da compra.

Ainda existem pessoas que possuem o cartão, mas que não conhecem a política de funcionamento do pagamento com cartão de crédito.

 É importante estar ciente de como os bancos trabalham em relação aos cartões, para aproveitar as vantagens que eles oferecem.

Entenda como funciona o pagamento com cartão de crédito

Os emissores de cartão de crédito normalmente são os bancos. Eles oferecem um limite de crédito, que pode ser utilizado em compras ou pagamentos de serviços.

Para se obter um cartão e poder realizar pagamento com cartão de crédito, não precisa necessariamente ser correntista do banco.

 O valor máximo para a realização de compras no mês, com pagamento no cartão de crédito, é estipulado através da renda de cada pessoa.

A análise dessa renda é realizada pelo banco, por comprovação de salário e rendas mensais. O cliente deve respeitar esse limite pré estabelecido pelo banco na hora de realizar suas compras, não deixando ultrapassar jamais seu limite.

Se o cliente opta no pagamento com cartão de crédito, por parcelar suas compras, deve entender que o valor das parcelas a vencer, também comprometem o limite total que ainda pode ser gasto.

 Conforme as faturas forem sendo pagas, e as parcelas quitadas, os valores vão sendo restabelecidos como seu limite.

Quando se faz a contratação do serviço de cartão de crédito é importante pedir sua via do contrato e estar atento a todas as taxas e encargos que serão cobrados no decorrer do seu uso para evitar surpresas.

As principais tarifas dos cartões de crédito:

O Banco Central estabeleceu por meio de resolução, as 5 tarifas que um cartão de crédito básico pode cobrar de seus usuários. Entenda quais são elas:

  • Anuidade: Pode ser cobrada apenas uma vez no ano. Dependendo do valor, pode se negociar com o banco o parcelamento dessa cobrança em até 12 vezes;
  • Avaliação de emergência de crédito: Essa taxa é cobrada quando se realizada pagamento no cartão de crédito, acima do limite que foi pré estabelecido;
  • Pagamento de boletos: muitas pessoas não sabem, mas, é possível pagar contas de agua, luz e telefone com o cartão de crédito. Só que elas devem estar cientes que, será cobrado uma taxa na próxima fatura do cartão;
  • Saques: muitos cartões de crédito além da opção de pagamento, também oferecem opção de saque em dinheiro em terminais eletrônicos no Brasil e também no exterior. Para utilização desse serviço é cobrado uma tarifa;
  • Emissão de segunda via: os bancos cobram um valor para confeccionar e emitir a segunda via do cartão de crédito, nos casos de reposição por extravio, roubo, assalto, etc.
  • Demais taxas: Além dessas taxas que são autorizadas a cobrança pelo Banco Central, o emissor do cartão, pode oferecer serviços diferenciados como alerta no celular quando se realizar pagamento no cartão de crédito, ou algum tipo de seguro. Essas tarifas de serviços são cobradas à parte, e o cliente deve ficar atento às cláusulas do contrato.

Sabendo o que pode ser cobrado pelo emissor do cartão, você poderá efetuar suas compras com pagamento com cartão de crédito com mais tranquilidade e segurança.