5 dicas de como sair das dívidas

Saber como sair das dívidas é muito complicado para algumas pessoas que estão afundadas em seus débitos, sem conseguir ajustar as contas há muito, muito tempo. A verdade, inclusive, é que elas são a maioria, porque são poucos os brasileiros que hoje não se encontram em um quadro de inadimplência.

A verdade é que a maior parte dos indivíduos nem quer olhar para a situação, porque tem medo de enxergar o buraco onde se meteu e se desesperar. É necessário, no entanto, ter coragem para ver o que está acontecendo e a partir daí resolver.

Assim sendo, a seguir nós vamos te explicar como sair das dívidas de maneira funcional e rápida, seguindo 5 dicas básicas. Aproveite as nossas orientações ao máximo, porque elas têm tudo para te ajudar!

Veja a seguir nossas 5 dicas sobre como sair das dívidas

Saber como sair das dívidas é complicado mesmo, mas nós queremos te ajudar nessa empreitada. É por essa razão que a seguir listaremos 5 dicas básicas, que vão ser muito eficazes ao seu propósito, se você aplica-las da melhor forma possível:

  1. Descubra o tamanho real da sua dívida – O primeiro passo para você conseguir entender como sair das dívidas é entender o tamanho do seu problema. Entrando no site do Serasa você pode descobrir primeiro se tem dívidas e depois com quem essas dívidas foram feitas.

A partir daí é necessário entrar em contato com as instituições para descobrir o tamanho do seu débito, afim de começar a fazer contas para solucionar a questão de uma vez por todas;

  • Analise seu orçamento e possibilidades – Às vezes no desespero para acabar com a dívida a gente se compromete a pagar parcelas altíssimas para as instituições para as quais devemos, e o problema disso é que podemos acabar não honrando nossos compromissos, criando uma situaçaõ mais complicada ainda.

Ver quanto podemos pagar de fato sem comprometer nossas contas básicas e um pouco de diversão (porque isso também é necessário) é a melhor saída sempre;

  • Não feche acordo se o combinado vai sair muito caro – Negociar é fundamental quando estamos falando de como sair das dívidas. Da mesma forma que você quer pagar a empresa tem que te ajudar a ser paga, e a melhor forma dela fazer isso é te oferecendo opções que sejam acessíveis e funcionais para a sua realidade atual;
  • Entenda que restringir gastos vai ser fundamental – Ninguém quer que você deixe de pagar os seus compromissos básicos ou passe a ser uma pessoa que nunca sai ou compra nada. Se você for por esse caminho a tendência é que se chateie muito consigo mesmo, e esse não é o ideal, mesmo. Agora, controlar os seus gastos e ser um consumidor mais consciente é primordial;
  • Adote um controle financeiro mais rígido – Controlar mais as finanças é super importante para que você consiga pagar suas contas, resolver seus débitos anteriores e ainda ser capaz de viver.

Tendo isso em mente é necessário ser atento ao que entra e ao que sai, anotando, fazendo planilhas, analisando digitalmente e tudo mais. Assim você soluciona a questão e nunca mais se arrisca nesse caminho;

Dá para acabar com as dívidas rapidamente?

Saber como sair das dívidas não vai fazer com que elas se paguem velozmente, e ficar preocupado em saldar tudo do dia para a noite pode te meter em uma confusão maior do que a que você está. Faça tudo com calma, de acordo com as suas possibilidades e conte sempre com nosso apoio e informações!